Balanço geral

Os presidentes dos Conselhos Administrativo, Luiz Sallim Emed, e Deliberativo, Mario Celso Petraglia, do Atlético Paranaense concederam entrevista coletiva nessa quarta-feira (dia 29) à tarde. O assunto principal foi o pedido para convocação de uma assembleia geral de sócios, feita por torcedores insatisfeitos com a atual gestão. O pedido foi recusado por Petraglia, com a alegação que apenas 1260 das 2056 assinaturas necessárias foram apresentadas pelo grupo.

Na coletiva, Petraglia e Emed também falaram sobre a situação do gerente-geral Paulo Autuori e do técnico Fabiano Soares, que podem deixar o clube ao final de 2017. O goleiro Weverton também está de saída para o Palmeiras. Os dirigentes comentaram sobre os resultados de 2017 e os planos para 2018, além de questões como preços de ingressos, grama sintética da Arena da Baixada e planos de sócios.
AUTUORI, FABIANO SOARES E WEVERTON DEIXAM O CLUBE?
“Nós vamos deixar terminar o campeonato e na segunda-feira esse assunto. Sobre o Weverton, também”, Emed

“A gente muda o técnico pra ver se um novo técnico, com os mesmos jogadores, consegue um desempenho melhor”, Petraglia

“Esperamos que Autuori continue conosco”, Petraglia

PROJETOS PARA O FUTEBOL EM 2018
“Todas as estratégias são traçadas em conjunto. O que seremos em 2018, 2019, até 2024. Estaremos aqui, se seremos reeleitos, o tempo mostrará, mas trabalhos com essa visão de médio a longo prazo. Qualquer possibilidade, projeção, planejamento de crescimento do clube daqui para frente passa pelo futebol. Chegamos até onde chegamos sem grandes investimentos, até sacrificando o futebol. Faremos cada vez mais investimentos no time. Sem sucesso em campo não daremos o salto definitivo. Até agora foi possível levar. Daqui para frente é bola, bola e bola”, Petraglia

“Nós estamos atrás de uma grande cabeça de que contrate os jogadores exatos que vão dar certo. Nenhum técnico garante absolutamente nada”, Petraglia

RESULTADOS EM 2017
“Nosso futebol, neste ano, não foi legal. O torcedor brasileiro quer resultado e ele não vem ao estádio para se divertir, mas para ganhar. Se ele vê que não vai ganhar, vem uma vez ou outra”, Petraglia

“Neste ano, foi o ano que mais investimos no futebol. Está nos sobrando mais um pouco de caixa e em 2018 vai ser um pouco melhor. Em 2019, vai ser ainda melhor porque estamos em uma melhoria substancial para os direitos de televisão”, Petraglia

“Os resultados em campo estão diretamente ligados a estrutura. Só ver os exemplos que temos com o São Paulo, após o Morumbi, e Corinthians e Palmeiras com estádios novos. Quando chegamos aqui não tínhamos base, onde jogar e treinar”, Petraglia

PREÇO DO INGRESSO
“R$ 30 para ver um jogo da primeira divisão em um dos melhores estádios do mundo, com segurança, papel higiênico no banheiro, sabonete e limpeza igual a nossa casa, não tem como. Se tivermos um estádio de primeira com time de segunda, teremos um estádio de segunda”, Petraglia

“A classe D não tem condições de pegar ônibus e ir ao estádio. Infelizmente, o Brasil é um país pobre e temos uma concentração de renda absurda. Imaginávamos que seria melhor o público de shows ao vivo e entretenimento após a Copa do Mundo”, Petraglia

TORCIDA
“Estamos fazendo um dos maiores clubes do mundo. Não trabalhamos só pros 15, 20 mil que vem ao estádio, trabalhamos pra dois milhões”, Petraglia

“Estamos fazendo o melhor para a comunidade atleticana. Infelizmente, não temos uma tradição de 100 anos e não formamos uma torcida que o Flamengo criou. Estamos crescendo e hoje somos a maior torcida do Paraná”, Petraglia

“Dividimos o Atlético em três décadas de 1995 até 2004, de 2004 até 2015 e de 2015 até 2024. E estamos seguindo no projeto de se tornar um dos maiores clubes do mundo. Por isso, necessariamente temos que tomar medidas antipáticas e impopulares”, Petraglia

SÓCIOS
“Tem aquele torcedor casulo que não sai de casa e vou respeitar isso. Tem torcedor que é igual regime que começa na segunda-feira, mas chega na sexta-feira e desiste”, Emed

“Nós temos mais de 100 mil sócios que passaram por aqui com CPF e CNPJ diferentes e não continuaram. O problema não é o engajamento de sócios, mas a fidelização”, Petraglia

“Temos 10 mil sócios, arrendondando, que são de uma fidelização exemplar. Eles tiveram em Joinville, Paranaguá, na Vila Capanema e nunca saíram. Esses são os verdadeiros torcedores fiéis”, Emed

GRAMA SINTÉTICA
“Dizem que ganhamos 80% nas partidas em casa. Será que neste ano o gramado atrapalhou? Por que fomos mal em casa? O Atlético vai enfrentar essa situação no próximo arbitral”, Petraglia

“O caso da grama é uma questão de mercado. Existe uma ‘guerra’ de empresas da grama natural com as gramas de tecnologia. Não há o que comparar a qualidade dos estádios do Brasil com grama natural e gramado sintético”, Petraglia

“O Atlético continua trabalhando e temos a melhor infraestrutura do futebol brasileiro, e por que não dizer do futebol sul-americano”, Petraglia

PEDIDO PARA CONVOCAR ASSEMBLÉIA DE SÓCIOS
“Está se tentando antecipar a eleição de 2019. Como o Petraglia disse, o nosso interesse é o bem do Atlético. O interesse é aquilo que nós entendemos como o melhor para o Atlético”, Emed

“Absolutamente inválido juridicamente. O conteúdo dos pedidos são ridículos. Não posso entrar no mérito pessoal sobre isso porque estaria dando uma avaliação subjetiva minha como torcedor”, Petraglia

“Quando houve aquele momento do ‘Fica, Petraglia’, eu tive meu orgulho e vaidade e resolvi ficar. Eu tinha dado por encerrado a minha missão no Atlético, em 2001, quando tínhamos estádio, CT e era campeão brasileiro. Cumpri a promessa de que em 10 anos seríamos campeões brasileiros e quase fomos bicampeões”, Petraglia

“A lista (de assinaturas) veio com páginas borradas, rasgadas e nem teve o cabeçalho para dizer que era um pedido de assembleia geral de sócios. É um erro básico porque não tem como aferir quem assinou e não sabe o que assinou”, Rodrigo Gama Monteiro, diretor jurídico do Atlético

About the Author

Osires Nadal Júnior

Locução em autódromo, estádio, rádio, tv, palestra, cerimonial, formatura. Pauteiro, reporter, produtor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *