O jogo de abertura do Campeonato Paranaense de Futsal foi recheado de gols e fez a festa do torcedor da Copagril, de Marechal Cândido Rondon. A goleada por 7 a 1 sobre o Marreco, de Francisco Beltrão, mostra a força do time do oeste. As duas equipes estarão disputando a Liga Futsal.

Desde o início a Copagril foi para o ataque e buscou as alternativas para balançar a rede. O primeiro gol saiu depois de uma sequencia de três contra-ataques. No último deles Marquinhos completou para as redes um chute cruzado e abriu o marcador, aos 4’30.

Dono da maior posse de bola, a Copagril seguiu trabalhando no ataque. O segundo gol saiu de uma jogada individual de Barbosinha, que ‘entortou’ Jardel com duas fintas e chutou forte para marcar, aos 8’15.

Apesar da superioridade, o time da casa estourou o limite de faltas quando faltavam 8’10 para o fim do primeiro tempo. O que era para ser preocupação virou alívio com o terceiro gol marcado por Djaelson, faltando seis minutos.

O Marreco conseguiu descontar em um tiro livre diretor cobrado por Emerson, aos 14’50.

Com o início do segundo tempo, o ritmo não alterou. Logo aos seis minutos, a Copagril ampliou com Parrel aproveitando um rebote do goleiro Nando após cobrança de escanteio. A situação do time de Francisco Beltrão ficou pior com o limite de faltas estourado logo aos nove minutos de partida.
Com a superioridade, a Copagril foi ampliando. Em um chute forte, aos 12′, Djaelson fez 5 a 1.
O ala Banana passou a atuar como gol-linha no Marreco, e os espaços se ampliaram. O resultado foi que o time cometeu mais duas faltas, convertidas em gols por Cristian Alfinete, fechando o placar em 7 a 1.

“Sabemos que não é um resultado normal em jogos entre essas equipes. sempre são jogos difíceis. Mas trabalhamos para vencer. Pedi que o time tivesse um bom comportamento diante do torcedor e tivemos competência para aproveitar as chances e fazer os gols, mas é apenas uma estreia”, avaliou o técnico da Copagril, Paulinho Sananduva.

Já o ala Rangel, do Marreco, reconheceu o mérito do adversário. ‘O time deles foi muito superior. Não achamos o espaço de marcação e sofremos os gols. Vamos ter que trabalhar muito ainda para chegar onde queremos”.

As duas equipes voltam a jogar na próxima quarta-feira. A Copagril recebe o Cascavel, enquanto o Marreco vai até Guarapuava.

Related Posts

Facebook Comments