Empates marcam jogos de ida da Sub-23

Foram três empates nos quatro jogos de ida das quarta de final da Taça FPF sub-23. O único vencedor da rodada foi o Maringá, que em Irati, goleou o time da casa por 6 a 0. Todos os outros jogos terminaram com empate em 1 a 1.
O Operário Ferroviário empatou com o Cascavel, na tarde deste domingo (1), pela primeira partida das quartas de final da Taça Federação Paranaense de Futebol (FPF) Sub-23. O jogo aconteceu no Estádio Germano Krüger e terminou 1 a 1.
O Fantasma foi melhor no primeiro tempo e criou boas oportunidades. A melhor chance veio com Robson, que ficou sozinho com o goleiro, mas chutou para fora. Na segunda etapa, em jogada de bola aérea, Layo abriu o placar para os visitantes aos 16 minutos. A resposta do Operário veio aos 37 minutos, após cruzamento, Diego Carioca balançou as redes e deixou tudo igual.
O alvinegro iniciou a partida com Matheus, Robson, Lucão, Alex, Bruno Gaúcho, Wembley, Erick, Fred Saraiva, Glenisson, Cristian e Diego Carioca. No segundo tempo, entraram Juninho e Pedrão para saída de Alex e Bruno.
Em entrevista coletiva, o técnico Joel Preisner avaliou o desempenho da equipe “Estávamos muito bem no primeiro tempo e voltamos no segundo tempo com a mesma disposição. Conseguimos neutralizar os três ou quatro jogadores que eram as principais peças do Cascavel. Acabamos tomando um gol de bola parada, algo que treinamos bastante. Mas acredito que o time demonstrou um pouco mais de maturidade do que nos jogos anteriores. Agora temos mais 90 minutos e tenho certeza que podemos chegar lá, impor nosso ritmo e vencer a partida”.
A partida da volta das quartas de final entre Operário e Cascavel acontece no próximo domingo (8), às 11h05, no Estádio Municipal Arnaldo Busato.
FICHA TÉCNICA
Operário 1×1 Cascavel
Taça FPF Sub-23 – Quartas de final – Partida de ida
Estádio Germano Krüger – 01/10/17 – 11h05
Operário: Matheus, Robson, Lucão, Alex (Juninho), Bruno Gaúcho (Pedrão), Wembley, Erick, Fred Saraiva, Glenisson, Cristian e Diego Carioca. Téc: Joel Preisner
Banco: Fabrício, Matheus do Ó e João Vitor
Cascavel: Lucas, Gasperin, Layo, Murilo, Elivelton, Tubarão, Oberdan, André, Hyago (Pedro Jr), Tocantins (Índio) e Kiko. Téc: Rodrigo Cabral
Banco: Guilherme, Vagner, Lucas, Antonny, João Paulo, Ganem, Denilson e Romario.
Gols: Layo (2T 16′) (Cascavel); Diego Carioca (2T 37′) (Operário
Árbitro: Eduardo Elias Melek
Assistente 1: André Luiz Severo
Assistente 2: Alexsandro Euzébio da Silva
Quarto Árbitro: Guilherme Natan Paiano dos Santos
Assessor: Gildasio Jose dos Santos
Delegado: Amilton Luis Brandalize
Público pagante: 229 pessoas
Público total: 244 pessoas
Renda: R$ 2.490,00
Posted in:
About the Author

Osires Nadal Júnior

Locução em autódromo, estádio, rádio, tv, palestra, cerimonial, formatura. Pauteiro, reporter, produtor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *