Futsal: CAD expõe situação do projeto e auxílio a patrocinadores

Futsal: CAD expõe situação do projeto e auxílio a patrocinadores

Uma reunião por videoconferência essa semana entre a Federação Paranaense de Futebol de Salão e os dirigentes das 11 equipes que participam da série Prata 2020, acenou para novo adiamento do campeonato. O CAD – Clube Atlético Deportivo foi representado pelo presidente Anderson Gnap.
De acordo com a assessoria de imprensa do Clube, a intenção com a reunião era esclarecer os clubes sobre uma previsão de retorno e até mesmo de
algumas medidas que a federação estaria tomando para amenizar os efeitos negativos da pandemia de coronavírus no futsal.
Entretanto, a possibilidade de que o campeonato pudesse iniciar em maio foi frustrada. “A realização do Campeonato Paranaense que já está
postergado pela recomendação de isolamento social, e que iniciaria em 28/03, permanece sem data definida. Em princípio, a nova previsão de início dos jogos será agosto. Mas a data ainda não é certa”.
Além disso, conforme o que foi tratado na reunião com a Federação Paranaense de Futsal, a possibilidade de antecipação [do campeonato] é baixa.
“Isso devido ao fato de que, além do achatamento da curva [da covid-19], os clubes representados pelos diretores deverão discutir fórmulas e métodos
de trabalho”.

Ainda conforme a assessoria do CAD, durante a reunião foi citado o fato de que é preciso contar ainda com o rendimento dos atletas em quadra. “Vai
precisar de tempo para poder fazer a pré-temporada novamente, gerando mais um custo para o cofre dos clubes. E é preciso levar em consideração, que a maioria depende de verbas de ingressos de jogos para os quadros financeiros”.
Todavia, cada clube deverá ter uma programação diferente. Assim, cada um da forma que achar mais viável e principalmente obedecendo a
recomendação de cada Secretaria Municipal de Saúde, que varia de município para município.

SITUAÇÃO FINANCEIRA
O CAD ainda não contabiliza exatamente qual o tamanho do prejuízo financeiro até o momento. Entretanto, conforme a assessoria, a informação deve ser divulgada nos próximos dias, assim que a situação estiver definida com funcionários e fornecedores.
“Por alto, a diretoria contabiliza aproximadamente que desde fevereiro quando o clube se apresentou, entre folha mensal, material esportivo, alimentação dos atletas, custos de manutenção do clube, as despesas somam em torno de R$ 135 mil.”
Segundo o Clube, o déficit não chega a este valor pois algumas parcelas de patrocínio foram recebidas e ajudaram a amortizar parte do prejuízo sofrido até o momento. “Porém, ressalta-se que além de não ter o principal retorno que seria de bilheteria, alguns patrocinadores infelizmente não conseguiram quitar os contratos. Isso aconteceu devido ao fechamento do comércio, inclusive com alguns contratos cancelados”.
De acordo com a assessoria do CAD, por outro lado, ainda existe o pagamento fixo de ações trabalhistas e algumas despesas fixas mensais do clube não contabilizadas como prejuízo de 2020.
“Assim, quando falamos em prejuízo de 2020, estamos relacionando apenas ao aspecto de que boa parte do trabalho de preparação já realizado foi
perdido e terá que ser refeito para as competições”.

METAS E TAREFAS
A diretoria deverá nos próximos dias se reunir com todos os patrocinadores para definir fórmulas de renegociar contratos, e com isso ganhar fôlego para enfrentar os desafios futuros. O trabalho também será de negociação com todos os funcionários.
“Como o Clube não tem neste momento previsão exata e a prévia de competição é apenas daqui 90 dias, os trabalhos de rendimento ficarão suspensos por pelo menos mais 45 dias. Nesse tempo serão feitos apenas trabalhos organizacionais de renegociações e planejamento”.

APELO
O CAD é um gigante e assim como a grande maioria da sociedade está sofrendo muito com o efeito negativo desta pandemia. Assim, a diretoria apela para que cada sócio torcedor que tenha condição, mantenha as mensalidades em dia, já que o Clube tem despesas fixas mensais.
Além disso, a diretoria pede que o torcedor prestigie os patrocinadores que acreditam no projeto.
“Comprem os produtos do clube, tais como promoções de sorteios e principalmente materiais esportivos oficiais a venda.
Atitudes como essas mantém o calor do amor pelo CAD, e só com ele vamos seguir com forças para lutar e superar mais este obstáculo na história de um time que levou nossas cores aos mais altos topos do Brasil.”
A próxima reunião com a Federação Paranaense de Futsal e os clubes deve ocorrer em junho. Até la a torcida é para que surjam boas novidades,
principalmente o achatamento da curva da covid-19.


PRÓXIMOS DIAS
Nos próximos dias a diretoria do CAD deve divulgar novas informações sobre quais medidas serão tomadas com relação aos funcionários do clube. Isso porque grande parte ainda está em Guarapuava sob os cuidados do clube. Além disso, conforme a direção, devem ser abordados ainda temas como a expectativa de trabalho futuro, situação atual financeira e organizacional do Clube. Entretanto, conforme a assessoria de imprensa do CAD, as informações serão repassadas aos poucos.
“Informaremos em vários capítulos com a intenção de transparecer tudo que o clube passou de 2018 para cá, na gestão atual, tudo que ainda trilha, e os caminhos a serem percorridos. Assim, no decorrer dos dias, repassaremos todos os passos do CAD, pois como diretores são voluntários, o tempo de conciliação das atividades particulares será determinante para que surjam soluções que vão nortear o caminho que o Clube deve percorrer.”
Entretanto, a assessoria de imprensa do CAD ressaltou que “os patrocinadores são os pilares de sustentação, a Prefeitura Municipal representada pela Secretaria Municipal de Esportes, os nossos torcedores – em especial os sócios. Juntos com toda compreensão e mesmo com limitações, todos os mencionados permanecem apoiando o Clube e mantendo o CAD vivo”.

Fonte: Rede Sul

Related Posts

Facebook Comments