Seguindo à risca o planejamento de formar um time competitivo para disputa da Chave Prata deste ano, a ACMF/FECAM/Pedreira Itaipu, vem buscando se reforçar com jogadores vencedores que acrescentem experiência, competência e comprometimento com o projeto de reestruturação da equipe, dentro e fora de quadra. Neste sentido, depois de anunciar os nomes dos alas Ricardinho e Carrapicho, que juntos conquistaram oito títulos da Chave Ouro, e de Gelsinho, que além de Campo Mourão já defendeu inúmeras equipes do Estado, entre outros atletas que comporão o elenco, a mais nova aquisição para a temporada é o ala Eder Lima, de 29 anos, mais conhecido como Lambari.

Com passagem pela Liga Nacional, assim como os demais já contratados, Lambari é um jogador de ótima técnica, e já defendeu clubes como Amafusa de Maringá, onde foi formado, São Lucas/Paranavaí, Ciagym/Maringá, Minas tênis Clube-MG, São Paulo/Londrina e por último o Keima Futsal de Ponta Grossa.

Pela primeira vez vestindo a camisa do tricolor mourãoense ele valoriza a oportunidade de representar o município. “Estou muito feliz com o convite de poder participar da equipe e de ter dado certo o acordo. Tenho certeza que vou fazer um grande trabalho com meus companheiros para poder recolocar a equipe na Chave Ouro novamente. Campo Mourão sempre teve bons times e merece estar na elite do futsal paranaense. Aceitei a proposta principalmente por saber que todos da diretoria trabalham com muita honestidade e clareza. Isso foi determinante para aceitar esse desafio”, declara Lambari, que ganhou vários títulos por onde passou, sendo campeão paranaense infantil 2001; campeão Sul Brasileiro 99; campeão mineiro 2008; campeão Jogos Abertos do Paraná e brasileiro 2009; campeão Jogos Abertos Paraná e brasileiro 2010 e campeão Jogos Abertos do Paraná em 2013.

Related Posts

Facebook Comments