Marechal quebra jejum na Série Ouro

Foi com uma boa dose de drama que a Copagril/ Sempre Vida/ Sicredi obteve sua primeira vitória na Chave Ouro 2017. Nesta sexta-feira (19), no ginásio Ney Braga, o time rondonense venceu o Toledo Futsal por 3 a 2, em um duelo com duas viradas e gol da vitória marcado por Marquinhos no último minuto. Com o resultado, a equipe comandada por Paulinho Sananduva sobe para a 9ª posição, com cinco pontos, enquanto o Toledo é o 8º, com sete.

O jogo

A pressão exercida nos minutos iniciais deu mostras de que a noite seria tranquila para a Copagril. O gol marcado por Biel aos 6’33’’, após arrancada da quadra de defesa até o chute forte no canto direito do goleiro Farias, serviu para aumentar esse pensamento. Mas foi só impressão. Logo em seguida, aos 7’05’’, após Cristian Alfinete perder a bola no ataque, Tiago Bueno puxou contra-ataque e serviu São Pedro na esquerda, que fuzilou o goleiro Elton para deixar tudo igual e iniciar ali mais uma partida emocionante da Copagril nesta temporada. Nos minutos restantes da primeira etapa, a Copagril tentou diversas vezes, em chutes perigosos de Pelé, Ronaldo, Cristian Alfinete e Poleto, mas Farias se mostrou seguro na meta toledana. Do outro lado, a melhor chance foi com Tiago Bueno após passe errado de Parrel no meio, mas Elton salvou com o peito.

Na etapa final a Copagril encontrou muitas dificuldades para furar o retrancado e dedicado sistema defensivo dos visitantes. Aos 8’ veio a primeira boa oportunidade. Pelé chutou forte, a bola desviou em Guelé e bateu no travessão. Em seguida, foi a vez do chute de Biel, após boa tabela com Gustavinho, raspar no travessão e sair. Era hora do mais que batido ditado ‘quem não faz, leva’, entrar em ação em uma jogada pra lá de manjada no futsal, mas ainda assim muitas vezes efetiva. Aos 12’43’’, Dodô cobrou escanteio para trás, São Pedro bateu cruzado e Tiago Bueno apareceu livre na segunda trave para completar: virada do Toledo no Ney Braga. Pouco depois, Sananduva lançou Eduardo Jabá como goleiro-linha. Foi a cartada de mestre do treinador rondonense. Aos 15’33’’, Marquinhos recebeu no fundo e como um bom pivô fez o passe preciso para o próprio Jabá, de frente para a meta toledana, mandar no ângulo direito de Farias: 2 a 2. O empate amenizava a situação a Copagril, mas não bastava para Sananduva, que manteve Jabá com a camisa azul de goleiro para buscar enfim a primeira vitória no campeonato. E o gol salvador saiu a apenas 54 segundos do fim. Biel iniciou a jogada no meio e encontrou Alfinete na linha de fundo, que tocou para a área, onde Marquinhos estava sozinho na segunda trave para garantir os três pontos para a Copagril. Isso porque, faltando seis segundos, Guelé ficou de frente com Elton, mas mandou por cima e desperdiçou a chance de levar um ponto para Toledo.

Após a partida, o fixo Pelé explicou o motivo da dificuldade que a Copagril teve para vencer pela primeira vez no Estadual. “É porque na Chave Ouro todos os times são fortes. As equipes vêm aqui para jogar atrás, e isso dificulta nosso jogo. É ter mais tranquilidade que as coisas vão acontecer para nós”.

O próximo desafio da Copagril na Chave Ouro será na terça-feira (23), novamente em casa, contra o São Lucas, de Paranavaí. A partida começa às 20h15 no Ney Braga.

About the Author

Osires Nadal Júnior

Locução em autódromo, estádio, rádio, tv, palestra, cerimonial, formatura. Pauteiro, reporter, produtor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *