Motor: procurador veta eventos em Curitiba

Motor: procurador veta eventos em Curitiba

A esperança de muitos promotores de eventos do automobilismo sofreu um duro golpe no início desta semana após a informação de que um dos Promotores de Justiça que atua na cidade emitiu um parecer sugerindo a não utilização do Autódromo Internacional Raul Boesel, localizado em Pinhais, pelo prazo mínimo de duas semanas.

A reportagem apurou que o ofício foi enviado diretamente a administração da praça esportiva.

A notícia também se confirmou com uma nota emitida pela organização da Endurance Brasil, suspendendo a abertura da temporada na capital paranaense.

“Informamos, que não estamos medindo esforços para a realização da nossa primeira etapa, no Autódromo Internacional de Curitiba, em Pinhais (PR). Hoje à tarde, em uma reunião ficou acordado, que não existe a possibilidade da liberação do Alvará da prova nas próximas duas semanas, ou seja, foi descartada qualquer possibilidade do dia 06 de junho”, diz a nota assinada por Henrique Assunção e Glauce Schultz.

Durante a semana, o Autódromo de Curitiba recebeu alguns treinos individuais de carros de algumas categorias do automobilismo, como a Sprint Race e a Endurance.

De acordo com as informações repassadas à reportagem, a liberação está diretamente ligada ao setor da saúde e as liberações que ocorrerem.

Foto: Rodrigo Ruiz/RR Media

Related Posts

Facebook Comments