Tricolor quer mais do que a vaga

Próximo de garantir o primeiro lugar na fase inicial do Estadual, o Paraná encontra dificuldades para fechar um parceiro comercial de peso para a temporada. No jogo fora de casa, diante do Toledo, neste domingo (26), às 16 horas, o Tricolor mais uma vez entrará em campo sem nenhum patrocinador máster em sua camisa. “Temos negociações em aberto, mas nada definitivo”, diz Christian Knaut, vice-diretor de marketing do clube.

Próximo de garantir o primeiro lugar na fase inicial do Estadual, o Paraná encontra dificuldades para fechar um parceiro comercial de peso para a temporada. No jogo fora de casa, diante do Toledo, neste domingo (26), às 16 horas, o Tricolor mais uma vez entrará em campo sem nenhum patrocinador máster em sua camisa. “Temos negociações em aberto, mas nada definitivo”, diz Christian Knaut, vice-diretor de marketing do clube.

Classificado para as quartas de final do Paranaense, o Paraná não descarta fechar pacotes avulsos para cada partida da fase mata-mata da competição. “Estamos estudando. Todas as possibilidades estão sendo consideradas”, garante o vice de marketing. Ele também culpa o atual momento econômico do Brasil como responsável pela “fuga” de investidores.

Desde 2013, em virtude da desvalorização causada pelos anos seguidos na Série B (já são dez), somado aos problemas financeiros crônicos, o clube vem dependendo do aporte financeiro de torcedores ou de empresas ligadas a torcedores – a Racco é presidida pelo torcedor paranista Luiz Felipe Rauen.

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/03/25/Esportes/Imagens/Vivo/paraná ficha.jpg
About the Author

Osires Nadal Júnior

Locução em autódromo, estádio, rádio, tv, palestra, cerimonial, formatura. Pauteiro, reporter, produtor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *