Atletismo: Londrinenses convocados para a seleção

Osires Nadal Júnior

Dois dos principais nomes da equipe Londrina/FEL/IPEC nos últimos anos, as londrinenses Tatiane Raquel Silva e Livia Avancini foram convocadas mais uma vez para defender a seleção brasileira adulta de atletismo. A dupla foi chamada pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) para integrar a delegação que vai representar o país no Campeonato Ibero-Americano de Atletismo, que será realizado entre os dias 20 e 22 deste mês, em La Nucia, Província de Alicante, na Espanha.

Principal nome da prova dos 3000 metros com obstáculos no Brasil há alguns anos, a londrinense Tatiane Raquel Silva foi chamada para competir também nos 1500 metros, prova na qual ela também é a atual campeã brasileira adulta. Em 2022, ela venceu os 3000 metros com obstáculos no Torneio Internacional e no Grande Prêmio do Brasil de Atletismo, ambos realizados em São Paulo na semana passada. Ela lidera o ranking nacional da prova.

“O Ibero é uma competição importante, que te dá condições de competir em alto nível e fazer intercâmbio, um processo fundamental, visando os compromissos que ainda teremos pela frente em 2022 e visando esse ciclo olímpico”, comenta Tatiane, que esteve nos Jogos Olímpicos de Tóquio no ano passado.

No arremesso do peso, Livia Avancini tem uma programação mais intensa desde a última temporada, quando ficou muito perto de ir ao Japão. Ela vai ao Ibero pela primeira vez e trabalha duro para melhorar sua marca pensando no Mundial de Atletismo de Eugene (EUA), em julho, para o qual já está classificada. “O grande objetivo da temporada é o Mundial, e temos trabalhado muito visando essa competição. Por isso o Ibero será importante”, avalia, lembrando que o Mundial é uma oportunidade para a obtenção de pontos no ranking e índices e porta de entrada para eventos ou competições na Europa.

Em 2022, Livia já foi a duas competições com a seleção brasileira, os campeonatos Sul-Americano e Mundial Indoor, e foi campeã no primeiro. Tatiane também já tem vaga assegurada para o Mundial dos EUA.

Foram chamados 75 atletas – 37 no feminino e 38 no masculino. O Ibero-Americano vai reunir países ibero-americanos, mais Andorra e africanos, onde a língua oficial é o espanhol ou o português. Está prevista a participação de mais de 500 atletas. Segundo os organizadores estão confirmados: Andorra, Argentina, Bolívia, Brasil, Colômbia, Costa Rica, Cuba, Chile, Equador, El Salvador, Espanha, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, Porto Rico, Portugal, República Dominicana, Uruguai, Venezuela, Angola, Cabo Verde, Guiné Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique e São Tomé.

O Projeto Londrina Atletismo conta com incentivo da Copel e Governo do Paraná, através do programa Proesporte, e tem patrocínio da Prefeitura de Londrina e Fundação de Esportes de Londrina (FEL), através do Fundo Especial de Incentivo a Projetos Esportivos (Feipe), Instituto Paranaense de Esporte e Cultura (IPEC) e Colégio Ética; e parceria da Universidade Estadual de Londrina (UEL), Maximus Assistencial, Ivot Ortopedia, Ômega Diagnósticos, Espaço Saúde Integral Londrina, Uno Psicologia do Esporte, Centro do Coração e Academia AS Fitness.

Osires Nadal Júnior

Locução em autódromo, estádio, rádio, tv, palestra, cerimonial, formatura. Pauteiro, repórter, produtor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

0 Comentários
voltar ao topo