A maior competição nacional de atletismo da categoria foi realizada na cidade de Bragança Paulista e as equipes da UNIMED / Atletismo Campo Mourão e Londrina/FEL/IPEC fizeram bonito.

Campo Mourão
O time voltou para casa com a 8ª colocação geral, competindo com 108 clubes de 20 diferentes estados do Brasil, um feito que confirma a força da modalidade no cenário mundial.

As quatro medalhas conquistadas vieram nas corridas de fundo, principalmente, sendo duas de prata, com Vitor de Oliveira nos 10.000 metros e Dhenifer nos 1.500, foram outras duas medalhas de bronze, novamente com Dhenifer, agora nos 3.000 metros e outra no revezamento 4x400m feminino, umas das provas mais disputadas da competição.

O Treinador da equipe mourãoense, ressaltou a importância desse feito para o município de Campo Mourão. Segundo ele “Essa é uma das principais competições do atletismo brasileiro, sendo a mais importante da categoria sub-20. Uma organização impecável da CBAt e uma participação memorável da nossa equipe, levando essa conquista do 8º lugar geral entre tantas outras potências do esporte brasileiro”.

Os atletas e comissão técnica já estão a caminho de Campo Mourão para comemorar e também, se preparar para novos desafios do calendário do atletismo estadual, nacional e internacional.

Londrina

Leonardo Mário dos Santos foi o grande destaque da equipe Londrina/FEL/IPEC no Campeonato Brasileiro Sub-20 de Atletismo, disputado no último final de semana, no Centro Nacional de Desenvolvimento do Atletismo (CNDA), em Bragança Paulista. O jovem conquistou a medalha de bronze no arremesso de peso, com a marca de 16,49 metros.

“Estou muito feliz, é um resultado que me dá uma força e um incentivo muito grande para continuar treinando e buscando sempre melhorar”, disse o atleta, que há duas semanas sagrou-se campeão paranaense em Maringá. “Vejo esses dois resultados como uma retomada, após uma fase não muito legal. Agora é trabalhar forte e seguir”, acrescentou.

Outros dois representantes da equipe londrinense bateram na trave e ficaram fora do pódio por muito pouco. Maria Eduarda Gonçalves foi a quarta colocada no lançamento do disco, com 40,88 metros; e Pedro Tombolim também obteve a mesma colocação nos 800 metros rasos, ao fechar a prova em 1min53seg67.

A técnica Silvana Vieira ressaltou a importância da conquista de Leonardo e destacou que tanto ele como Maria Eduarda têm potencial para crescer mais. “Esse resultado vem num momento muito importante para o Leo. Daqui pra frente é trabalhar ainda mais duro e evoluir, assim como a Maria”, destacou.

A equipe Londrina/FEL/IPEC foi ao Brasileiro com 13 atletas, praticamente todos eles com idade para competir no sub-18, uma categoria abaixo do torneio disputado em terras paulistas.

O Projeto Londrina Atletismo tem patrocínio da Prefeitura de Londrina e Fundação de Esportes de Londrina, através do Fundo Especial de Incentivo a Projetos Esportivos (Feipe), e parceria da Universidade Estadual de Londrina (UEL).

Related Posts

Facebook Comments