O piloto pato-branquense Gabriel Casagrande, 21 anos, da equipe C2 Team/Exalta Racing, que tem o apoio das baterias Júpiter e STP, quer pontuar na etapa de Goiânia da Stock Car e do Brasileiro de Marcas, no dia 22 de maio. Com dois pódios no Velopark (RS), Casagrande está na liderança do Brasileiro de Marcas, com 38 pontos. Já na Stock Car ele ocupa o 16º lugar, entre os 32 pilotos que disputam a competição. Casagrande esteve nesta quinta-feira (28), em Pato Branco, com direito a uma carreata na apresentação do seu carro da Stock Car. Ele participou da inauguração da Auto Cores Tintas, que é especíဠca para veículos, e fez uma visita ao Diário do Sudoeste na companhia do administrativo e do gerente logístico da equipe C2 Team, Luciano Steyer e Baltazar Salvi, respectivamente. Na Stock Car Casagrande tem Julio Campos como companheiro de equipe e no Brasileiro de Marcas William Starostik. A C2 Team também disputa o Campeonato Brasileiro de Turismo, com o piloto Marco Cozzi.

Casagrande revelou que o objetivo principal é a Stock Car. No entanto, como está na liderança no Brasileiro de Marcas vai tentar o título. Ele disse que em cada pista precisa ajustar o carro, pois muda a temperatura, umidade, altitude e o asfalto, mas cada piloto da equipe tem um engenheiro para auxiliá-lo. Um carro da Stock Car pode atingir uma velocidade de até 260km/h no final de uma reta.

Expectativa
Casagrande disse que a expectativa é muito boa para a etapa de Goiânia. Ele lembrou que no ano passado, na Corrida do Milhão, estava em oitavo lugar quando furou um dos pneus do carro. Neste ano ele quer ficar entre os cinco primeiros colocados na prova da Stock Car em Goiânia e pontuar no Brasileiro de Marcas. “O objetivo é sair de Goiânia como maior pontuador no Brasileiro de Marcas. O que importa são os pontos. Se eu for campeão, mesmo sem ganhar nenhuma corrida, estarei satisfeito”, completou.

Fonte: Diário do Sudoeste

Related Posts

Facebook Comments