O Coritiba irá enfrentar o argentino Belgrano nas oitavas de final da Copa Sul-Americana. As datas do duelo ainda não foram divulgadas pela Conmebol. O time de Córdoba reverteu o duelo contra o Estudiantes – que havia vencido por 1 a 0 o confronto de ida – ao ganhar por 2 a 0 nesta quinta-feira (15).

No elenco e na comissão técnica do Alviverde paranaense, o discurso é de buscar o título do torneio. A empolgação coxa-branca com mata-mata latino também chegou aos torcedores. O clube lançou uma promoção de ingressos a R$ 20 e já vendeu 2 mil bilhetes antes mesmo de saber a data e horário do duelo.

O Coxa quer encerrar o incômodo tabu de jamais ter vencido uma partida oficial fora do país. A última vez que o clube disputou uma partida internacional foi em 2013 e acabou sendo eliminado pelo Itagüi, da Colômbia, também pela Sul-Americana. Além disso, avançar para as quartas de final renderá US$ 450 mil, aproximadamente R$ 1,44 milhão como premiação.

Maradona já jogou no Belgrano

Diego Maradona já vestiu a camisa do Belgrano. Mas por apenas um jogo. Um dos maiores craques da história do futebol havia acabado de comandar a Argentina no título mundial de 1986 e em partida beneficente, fez a festa dos argentinos e desfilou com seu futebol em Córdoba.

Início ruim no Campeonato Argentino

Foram apenas duas rodadas da competição – que começou no final de agosto – e o Belgrano largou mal. Perdeu os dois jogos que disputou contra Boca Juniors e Independiente e está na vice-lanterna.

O craque

Mario Bolatti é o principal jogador do Belgrano. O volante argentino, ex-Internacional, é um dos mais experientes do elenco com 31 anos e peça-chave no meio de campo da equipe treinada por Esteban González.

Related Posts

Facebook Comments