Handebol: 36 equipes avançam na Paraná Cup

Handebol: 36 equipes avançam na Paraná Cup

Uma das mais tradicionais competições de base promovida pela Liga de Handebol do Paraná (LHPR) teve início nesta quinta-feira (05.03), com a estreia de 36 equipes em busca do título estadual da Paraná Handebol Cup, que, pela 11ª vez, tem como sede o Complexo Esportivo do Centro Universitário FAG, em Cascavel.

Disputado em cinco categorias, o evento é considerado um dos mais importantes para a preparação dos clubes e abre oficialmente a temporada 2020 da modalidade. Na primeira rodada foram marcados 835 gols em 24 partidas, uma média de 34 gols por jogo.

Realizado em etapa única, o torneio é uma homenagem ao árbitro Antonio Cesar de Oliveira, que prestou relevantes serviços à modalidade no Estado.

Pela categoria livre cinco times se enfrentam pelo sistema de rodízio completo em um turno dentro do grupo, com a classificação final definida pela somatória de pontos. Os atuais campeões da ACH/Lanalli/O2 Saúde/Cascavel começaram sua trajetória com vitória de 31 a 26 sobre o elenco da Prefeitura de Corbélia/HCC, somando os primeiros dois pontos da fase de grupos, junto com AHSI/Saudade do Iguaçu, que venceu por 22 a 17 Seme/Lanalli/Cambé. De folga na primeira rodada, Fecam/AhandeCam/Campo Mourão estreia nesta sexta-feira (06.03), às 20h30, diante dos corbelienses, que buscam a recuperação para continuar na “briga” por uma posição no pódio.

No juvenil, a seleção feminina vice-campeã em 2019 da Prefeitura de Maringá/Unicesumar saiu na frente ao ganhar seus dois compromissos, assumindo o topo da tabela de classificação

com quatro pontos. Na cola está Santo Antônio do Sudoeste, que ganhou um confronto e perdeu outro, e as atuais campeãs do Santa Maria/Cesesp/ACH/Cascavel, que também estrearam com vitória, mas tem um jogo a menos. Enquanto Jardim Alegre/AFHJA e Jussara Handebol ainda não venceram no torneio e buscam sua recuperação na segunda rodada classificatória para garantir uma vaga no G4.

Divididos em dois grupos no naipe masculino, os atuais detentores do título sub-17 do Colégio ATO/Campo Mourão estão no A e mostraram que vieram preparados para manter o caneco dourado em seus domínios, ganhando seu primeiro compromisso com tranquilidade por 36 a 16 do Colégio Sepam/Ponta Grossa, estreante na competição. E os maringaenses superaram por 26 a 14 a Prefeitura de Santa Izabel do Oeste, resultado que garantiu a 2ª posição dentro do grupo. Pelo B, Jussara e Alto Paraná/DDD iniciaram sua campanha com vitória.

Atual campeã sub-15, o selecionado feminino de Santo Antonio do Sudoeste somou seus primeiros pontos na disputa junto com a Prefeitura de Ourizona e Jardim Alegre/AFHJA. O elenco jardim-alegrense está a um jogo de garantir a classificação à próxima fase, enquanto as demais equipes têm ainda dois confrontos para definirem com Mercedes/MCR Amidos e Capitão Handebol quem avança às semifinais.

No masculino, o Colégio Sepam/Ponta Grossa lidera a classificação do grupo A, com quatro pontos, seguido de Alto Paraná com três e Mercedes/MCR Amidos com um. Ainda não pontuaram no torneio AC5/Cascavel/ACH/Estrada e Prefeitura de Ourizona. Já no grupo B, Colégio ATO/Campo Mourão acumula duas vitórias, Santa Izabel do Oeste e a Prefeitura de Marialva venceram um jogo e perderam outro, enquanto Seme/Lanalli/Cambé e a Prefeitura de Arapongas somam cada um uma derrota.

Com disputas pela primeira vez na competição, quatro seleções masculinas sub-13 miram o título inédito do estadual. Começaram com a mão direita ao vencerem seus confrontos na primeira rodada as equipes de Arapongas e Tapejara, ao passo que os anfitriões e Capitão Handebol buscam sua reabilitação na última rodada da fase de grupos, nesta sexta-feira, para continuarem sonhando com o lugar mais alto do pódio.

De outro lado, a estreia do triangular máster acima de 55 anos acontece nesta sexta-feira, quando os times da Cerhand/UEM/Cascavel e Cerhand/UEM/Paraná se encontram para uma disputa de gigantes. As duas equipes são compostas por jogadores que fizeram e continuam fazendo história no handebol paranaense.

A segunda rodada classificatória começa a partir das 09 horas desta sexta-feira, no Complexo Esportivo da FAG, com entrada gratuita. Mais informações sobre a competição podem ser conferidas pelo link www.paranahandebol.com.br/competicoes/copa-parana.

Curso de Ascensão

Simultâneo à Paraná Handebol Cup, a Confederação Brasileira de Handebol (CBHb) em parceria com a LHPR, e com apoio da Associação Paranaense de Árbitros de Handebol (APAH), realiza o Curso de Ascensão de Árbitros à Categoria Nacional C. Participam da capacitação 10 duplas, sendo cinco do Paraná, duas de São Paulo, uma do Mato Grosso do Sul, uma de Santa Catarina e uma do Distrito Federal. Além do conteúdo teórico e dos testes físicos, os profissionais integram a equipe de arbitragem da Paraná Handebol Cup, onde suas atuações são avaliadas por uma comissão técnica.

A Paraná Handebol Cup conta com o apoio da Prefeitura de Cascavel, através da Secretária Municipal de Cultura e Esportes, da Associação Cascavelense de Handebol e do Centro Universitário FAG.

Related Posts

Facebook Comments