A seleção paranaense sub-16 foi superada pelas mineiras e ficou com o vice no Campeonato Brasileiro de Seleções (CBS), divisão especial, que chegou ao fim nesta quinta-feira (29.03) em Curitiba, no ginásio Dirceu Graeser. Na decisão, a seleção de Minas Gerais levou a melhor sobre as donas da casa por 3 sets a 0 (25/14, 25/18 e 25/16), em 1h09.

A técnica paranaense, Kátia Cordeiro, fez uma breve avaliação sobre a campanha da equipe na competição. “É mérito das meninas chegar nessa final. Teve altos e baixos em vários jogos, mas mostraram porque tinham que estar na decisão. Infelizmente nesse jogo o saque e o passe não entraram. Não sei se sentiram a pressão, mas não jogamos o que sabíamos e poderíamos jogar. Hoje o mérito é de Minas que jogou igual do início ao fim. Apesar do resultado, a equipe está de parabéns pela campanha. A gente sabe o quanto elas se dedicaram. Infelizmente não deu, mas quem sabe no próximo ano chegamos lá”, comentou

A disputa de bronze foi entre dois rivais da região sudeste. E no fim de cinco sets disputados, melhor para São Paulo que venceu a seleção do Rio de Janeiro, de virada, com parciais de 20/25, 25/20, 17/25, 27/25 e 15/12, em 2h03 de partida.

A seleção do Rio Grande do Sul ficou com a quinta colocação depois de vencer o time de Santa Catarina por 3 sets a 0 (25/16, 25/21 e 25/23), em 1h15. Já rebaixados para a primeira divisão em 2019, Rio Grande do Norte e Goiás entraram em quadra para a disputa do sétimo lugar. A equipe goiana levou a melhor por 3 sets a 0 (25/13, 25/13 e 25/11), em 1h17.

Veja a tabela completa e todos os resultados abaixo.

CLASSIFICAÇÃO FINAL

1º – Minas Gerais

2º – Paraná

3º – São Paulo

4º – Rio de Janeiro

5º – Rio Grande do Sul

6º – Santa Catarina

7º – Goiás

8º –Rio Grande do Norte

PRIMEIRA RODADA – 25.03 (DOMINGO)

Rio de Janeiro 3×0 Rio Grande do Norte (25/4, 25/19 e 25/15)

Minas Gerais 3×0 Goiás (25/10, 25/12 e 25/16)

Paraná 2×1 São Paulo (15/25, 25/23 e 25/17)

Santa Catarina 1×2 Rio Grande do Sul (19/25, 22/25 e 26/24)

Rio de Janeiro 3×0 Goiás (25/15, 25/13 e 25/12)

Minas Gerais 3×0 Rio Grande do Norte (25/11, 25/12 e 25/7)

Paraná 3×0 Rio Grande do Sul (25/19, 25/20 e 25/19)

Santa Catarina 0x3 São Paulo (19/25, 21/25 e 20/25)

SEGUNDA RODADA – 26.03 (SEGUNDA-FEIRA)

Santa Catarina 3×0 Goiás (25/12, 25/16 e 25/5)

Minas Gerais 2×1 Rio Grande do Sul (25/14, 14/25 e 25/16)

Paraná 3×0 Rio Grande do Norte (25/18, 25/15 e 25/20)

Rio de Janeiro 3×0 São Paulo (25/22, 25/18 e 26/24)

Santa Catarina 3×0 Rio Grande do Norte (25/7, 25/22 e 25/10)

Rio de Janeiro 3×0 Rio Grande do Sul (25/16, 25/21 e 25/18)

Minas Gerais 3×0 São Paulo (25/20, 25/19 e 25/16)

Paraná 3×0 Goiás (25/17, 25/15 e 25/11)

TERCEIRA RODADA – 27.03 (TERÇA-FEIRA)

Rio Grande do Sul 3×0 Rio Grande do Norte (25/18, 25/13 e 26/24)

São Paulo 2×1 Goiás (25/11, 25/22 e 13/25)

Paraná 2×1 Santa Catarina (25/13, 25/21 e 22/25)

Minas Gerais 2×1 Rio de Janeiro (25/19, 25/20 e 22/25)

São Paulo 3×0 Rio Grande do Norte (25/7, 25/13 e 25/15)

Rio Grande do Sul 3×0 Goiás (25/18, 25/19 e 25/16)

Paraná 1×2 Rio de Janeiro (25/20, 23/25 e 16/25)

Minas Gerais 2×1 Santa Catarina (25/18, 20/25 e 25/18)

QUARTA RODADA – 28.03 (QUARTA-FEIRA)

Rio Grande do Norte 1×2 Goiás (6/25, 19/25 e 25/8)

Minas Gerais 2×1 Paraná (25/17, 25/21 e 19/21)

São Paulo 2×1 Rio Grande do Sul (25/19, 25/13 e 21/25)

Santa Catarina 0x3 Rio de Janeiro (15/25, 20/25 e 16/25)

DISPUTA DE 5º A 8º

Rio Grande do Sul 3×0 Rio Grande do Norte (25/16, 25/5 e 25/14)

Santa Catarina 2×1 Goiás (22/25, 25/22 e 25/15)

SEMIFINAIS

Rio de Janeiro 2×3 Paraná (24/26, 26/28, 25/13, 25/20 e 9/15)

Minas Gerais 3×0 São Paulo (25/17, 28/26 e 25/15)

QUINTA RODADA – 29.03 (QUINTA-FEIRA)

Rio Grande do Norte 0x3 Goiás (23/25, 13/25 e 11/25)

Santa Catarina 0x3 Rio Grande do Sul (16/25, 21/25 e 23/25)

Rio de Janeiro 2×3 São Paulo (25/20, 20/25, 25/17, 25/27 e 12/15)

Paraná 0x3 Minas Gerais (14/25, 18/25 e 16/25)

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro

 

Related Posts

Facebook Comments