Um lance inusitado, logo no começo do jogo entre Caramuru Ponta Grossa-PR e Sesc-RJ, neste sábado, pela Superliga masculina, chamou atenção. Quando o time carioca foi para o saque no primeiro ponto do duelo, os jogadores do time da casa ficaram imóveis, deixando a bola cair em sua quadra.

O gesto foi um protesto pelos salários atrasados. A reportagem do SuperFc fez contato com integrante do time, que confirmou a informação de atraso de salário, sem especificar o período.

Além de deixar o adversário começar o jogo vencendo com um ace, boa parte dos jogadores também
mostraram indignação ao usar uma tarja verde em suas camisas. O Caramuru não faz boa campanha na
Superliga, estando na zona de rebaixamento com duas vitórias em 13 jogos. O time perdeu o jogo deste
sábado por 3 a 0 para o vice-líder e encara outro favorito no sábado.

Na próxima rodada, encara o Sesi-SP.
Vale lembrar que o Canoas-RS abriu mão da sua participação na atual edição da Superliga em virtude de
dificuldades financeiras. A CBV exige, de todos os clubes participantes, uma Declaração de Regularidade
Financeira para as equipes possam participar da próxima edição do torneio.

Related Posts

Facebook Comments