A seleção brasileira feminina de vôlei está pronta para o primeiro desafio da temporada 2016. Nesta sexta-feira (27.05), às 21h, a equipe do treinador José Roberto Guimarães disputará o primeiro dos dois amistosos contra a República Dominicana, no ginásio Max Rosenmann, em São José dos Pinhais (PR). O SporTV transmitirá ao vivo.

O segundo amistoso entre o Brasil e a República Dominicana será realizado às 10h30 do próximo domingo (29.05) também com transmissão ao vivo do SporTV.

A equipe brasileira que está em solo paranaense é formada pelas levantadoras Dani Lins e Roberta, as opostas Sheilla, Tandara e Monique, as ponteiras Jaqueline, Fernanda Garay, Natália, Gabi e Mari Paraíba, as centrais Thaisa, Fabiana, Juciely, Carol e Adenízia e as líberos Camila Brait e Léia.

Natural de Curitiba, a levantadora Roberta falou sobre a importância dos amistosos para a seleção feminina e comentou da felicidade de jogar diante dos seus familiares.

“É muito bom poder jogar com a seleção na minha cidade. Fico muito feliz em ter a presença da minha família e dos meus amigos no ginásio. Estamos trabalhando muito e vejo o grupo focado nos objetivos”, disse Roberta.

A líbero Camila Brait chamou a atenção para o fato do treinador da República Dominicana conhecer bem as jogadoras do time verde e amarelo.

“A República Dominicana tem um treinador brasileiro (Marcos Kwiek) que conhece bastante as nossas jogadoras. Vai ser bom para testarmos o grupo e as dominicanas sempre jogam bem contra o Brasil. Espero que o público compareça em bom número para nos incentivar”, afirmou Camila Brait.

O treinador José Roberto Guimarães ressaltou a importância dos amistosos na preparação do Brasil para o Grand Prix.

“Em junho começamos a jogar o Grand Prix e esses dois amistosos vão servir de preparação e para ver o desempenho das jogadoras e como elas vão responder ao treinamento realizado. Esse é o feedback que vamos ter de toda a preparação que fizemos até o momento”, explicou José Roberto Guimarães, que ainda comentou sobre a oportunidade de jogar no Paraná.

“É muito bom jogar em São José dos Pinhais. O Paraná sempre teve uma participação importante no cenário nacional do voleibol, com grandes equipes, jogadores e técnicos que são apaixonados pelo esporte. Esperamos uma boa participação do público paranaense que sempre nos prestigiou”, ressaltou José Roberto Guimarães.

Adversário do Brasil nos amistosos a República Dominicana é treinada pelo brasileiro Marcos Kwiek, que também é o treinador do Concilig/Vôlei Bauru (SP). As dominicanas não se classificaram para os Jogos Olímpicos do Rio no Pré-Olímpico Mundial, mas têm tido grandes resultados internacionais nos últimos anos como o quinto lugar no Mundial de 2014 e o título mundial juvenil de 2015.

1º Congresso Paranaense de Voleibol

Paralelo aos dois amistosos da seleção feminina acontece, entre os dias 26 e 28 de maior, no Paraná, o 1º Congresso Paranaense de Voleibol visando discutir um projeto para o voleibol do estado, com a presença de técnicos, dirigentes e esportistas da modalidade.

O evento contará com a presença do treinador José Roberto Guimarães, que ministrará uma palestra no sábado (28.05), além do gerente de seleções da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), Antônio Rizola, e do superintendente de desenvolvimento da CBV, Renato D´Ávila. A pauta do evento consiste em discutir um diagnóstico montado pela Federação Paranaense e mostrar as falhas e conquistas da modalidade no estado.

DESAFIO – BRASIL X REPÚBLICA DOMINICANA

Sexta-feira (27.05) – Brasil x República Dominicana, às 21h, no Max Rosenmann, em São José dos Pinhais
Transmissão – SporTV

Domingo (29.05) – Brasil x República Dominicana, às 10h30, no Max Rosenmann, em São José dos Pinhais
Transmissão – SporTV

Related Posts

Facebook Comments