Skate terá CT Olímpico

Osires Nadal Júnior

A Confederação Brasileira de Skate inovou e chamou os próprios atletas para votarem no melhor projeto para a construção de um Centro Olímpico de Skate. A modalidade ganhará um investimento de R$8 milhões para executar o projeto que será sediado em Campinas.
A Comissão Julgadora formada pela CBSk teve os 12 atletas que participaram dos Jogos Olímpicos de Tóquio. O projeto vencedor pertence a Skate Spot Construções, Incorporações e Arquitetura Ltda, que recebeu 69,23% dos votos.
“Esse é mais um passo para a concretização desse sonho. O Centro de Treinamento Olímpico será crucial na preparação dos skatistas brasileiros para os Jogos de Paris 2024 e é também um legado”, disse Eduardo Musa, presidente da Confederação Brasileira de Skate. No Japão, o skate foi responsável por três das 21 medalhas do país nas Olimpíadas, com as pratas de Rayssa Leal (categoria street), Kelvin Hoefler (street) e Pedro Barros (park). Além disso, o Brasil brilhou no Mundial de Skate Street, disputado em novembro, nos Estados Unidos, quando Pâmela Rosa sagrou-se bicampeã, com Rayssa terminando a competição em segundo lugar, mesma posição do brasileiro Lucas Rabelo.
O CT será construído em uma área com mais de 3.100 metros quadrados, e contará com pistas de Street, Park e um half pipe (vertical), além de estrutura para atividades administrativas e multidisciplinares, como academia, vestiários, fisioterapia, centro de convivência e alojamentos, entre outras instalações.

Osires Nadal Júnior

Locução em autódromo, estádio, rádio, tv, palestra, cerimonial, formatura. Pauteiro, repórter, produtor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

0 Comentários
voltar ao topo