Cobrança forte

A história de amor e ódio entre Celsinho e a torcida do Londrina terá mais um capítulo em 2017. Sem clubes interessados no seu futebol, o meia vai voltar a vestir a camisa alviceleste e terá uma nova oportunidade para retornar aos bons momentos de 2013 e 2014.

Sem opções no elenco, não será surpresa se o meia iniciar a temporada como titular. O técnico Claudio Tencati acredita no potencial do jogador, mas cobrou uma mudança de postura do ex-camisa 10 para que ele possa garantir um lugar no elenco alviceleste. “Vou trabalhar apenas com uma linha com ele: rendimento em campo. Já passei do estágio de ser babá de jogador. Hoje é rendimento”, frisou o treinador.

Tencati revelou que teve uma conversa firme com o meia e que deixou claro a sua posição em relação ao seu retorno ao clube. “Ele sabe que tem um percentual de dúvida e rejeição por parte do torcedor. Como mudar isso? Jogando, produzindo e marcando gols. Assim, a torcida estará ao seu lado novamente”.

Celsinho deixou o LEC no início da Série C de 2015, após se desentender com o gestor Sérgio Malucelli. Neste período, atuou pelo Figueirense e Paysandu e não convenceu em nenhum deles. Assim, o time paraense não teve interesse em renovar o seu empréstimo no final do ano passado. “Jogador precisa de regularidade e ele não teve isso nas duas últimas temporadas. Daqui a pouco, ele vai perder mercado”, afirmou Tencati.

Celsinho não estava nos planos do Londrina, mas como tem contrato até o fim de 2017 foi reintegrado. Cláudio Tencati também foi sincero ao revelar que preferia a contratação de um outro jogador para o setor. “Não posso mentir, até porque minha relação com o Celsinho sempre foi baseada na verdade. Mas, ele não era a minha primeira opção e a ideia inicial era trazer um outro jogador”, ressaltou.

O treinador informou que o meia tem demonstrado uma postura já diferente nos treinamentos com muita vontade e foco. “A qualidade dele é indiscutível e gosto do seu estilo de jogo. Até arrisco a dizer que nas últimas temporadas não tivemos um jogador com as características dele”, apontou. “Agora cabe muito mais a ele e vamos passar a confiança necessária e espero que ele corresponda. Não posso reclamar dos treinamentos dele até agora”.

Lucio Flávio Cruz
Posted in:
About the Author

Osires Nadal Júnior

Locução em autódromo, estádio, rádio, tv, palestra, cerimonial, formatura. Pauteiro, reporter, produtor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *