Coxa goleia em tarde de estreias

Coxa goleia em tarde de estreias

Numa tarde de estreias (as principais do goleiro Alex Muralha e do técnico Umberto Louzer), o Coritiba abriu a Taça Dirceu Kruger, o segundo turno do Campeonato Paranaense, com uma vitória convincente. Jogando no Albino Turbay contra o Cianorte, o Coxa foi fatal nos contra-ataques e ainda contou com boas defesas de Alex Muralha para garantir uma vitória tranquila por 4 a 0, gols marcado por Rodrigão (que fez dois e já soma cinco gols em cinco jogos pelo clube), Giovanni e Alan Costa.

Com o resultado, o time da Capital, que agora soma 13 vitórias e seis empates em 22 jogos contra o clube do interior, assume a liderança do Grupo A, empatado em ponto com Paraná e Cascavel CR, mas com um saldo de gols mais positivo (+4 contra +1). Já o Leão do Vale vive situação complicada. Quarto colocado do Grupo B na Taça Barcímio Sicupira, quando somou apenas sete pontos, a equipe do interior está ameaçada de rebaixamento e sofre com a pressão da torcida, impaciente diante dos maus resultados – o técnico Cristian de Souza, inclusive, foi um dos mais criticados pelos torcedores durante a partida.

Escalação

Para sua primeira partida no comando do Coritiba, o técnico Umberto Louzer realizou quatro mudanças na equipe principal: no gol, Wilson, com uma lesão na mão, abriu caminho para a estreia de Alex Muralha, recém-contratado junto ao Flamengo. Na lateral-esquerda, Fabiano foi preterido por Patrick Brey. Na volância, Matheus Bueno entrou no lugar de Vitor Carvalho. E no ataque, Iago Dias, com uma lesão na coxa, foi substituído por Thiago Lopes. O lateral-direito Sávio (dores no tornezelo) e os atacantes Wanderley (em tratamento) e Welinton Junior (em faz de transição) também seguem fora da equipe.

O Jogo

Desde os primeiros instantes a partida foi movimentada no Albino Turbay. Os visitantes tiveram as duas primeiras chances, logo no primeiro e segundo minuto de jogo. O Leão do Vale respondeu logo em seguida e levou perigo aos 6 e aos 7 minutos, com Fernandinho e Madalena – no primeiro lance, boa defesa do goleiro Alex Muralha.

Aos 15 minutos, uma dor de cabeça para Umberto Louzer. O lateral-direito Felipe Mattioni sofreu uma lesão e precisou deixar o campo, substituído pelo volante Vitor Carvalho. Com isso, João Vítor foi deslocado para o lado do campo.

Apesar do problema na lateral, o Coxa cresceu de produção e teve uma boa sequência de chances entre o 31º e 34º minuto de jogo. O gol, porém, só saiu aos 39, com Rodrigão. E aí a porteira abriu: aos 41 Giovanni ampliou o marcador e já nos acréscimos Alan Costa dilatou a vantagem coxa-branca.

Na segunda etapa, o Coxa tratou de administrar a boa vantagem que já havia construído. O Cianorte até tentou descontar a vantagem do adversário com Matheus Nêgo e Gerônimo, mas ambos pararam no goleiro Alex Muralha – uma das defesas, inclusive, foi um verdadeiro milagre. E como diz o ditado, quem não faz, toma: aos 29 minutos, mais uma boa jogada de Thiago Lopes e gol de Rodrigão, dando números finais ao jogo: 4 a 0

FICHA TÉCNICA

Cianorte x 4 Coritiba

Cianorte: VelosoBreno, Montoya (Jovany) e Maurício; Léo Gago (Filipe Santos), Rafael Carrilho, Gerônimo, Matheus Nêgo e Fernandinho; Raphael Alemão (RafaelXavier) e Madalena. Técnico: Cristian de Souza.
Coritiba: Alex Muralha; Felipe Mattioni (Vitor Carvalho), Alan Costa (Romércio), Sabino e Patrick Brey; João Vitor, Matheus Bueno, Giovanni, Thiago Lopes (Igor Paixão) e Juan Alano; Rodrigão. Técnico: Umberto Louzer.
Gols: Rodrigão (39-1º e 29-2º), Giovanni (41-1º), Alan Costa (48-1º)
Cartões amarelos: Matheus Bueno, Giovanni, Igor Paixão, Patrick Brey (COR); Léo Gago, Jovany (CIA)
Árbitro: Marcos Vinícius Soares Martins
Público: 1.109 pagantes (1.154 total)
Renda: R$ 24.075,00
Local: Estádio Albino Turbay, em Cianorte (PR), domingo (10 de março) às 16 horas

Fonte: Bem PAraná

Related Posts

Facebook Comments