Guarapuava e Copagril lideram a Ouro

Guarapuava e Copagril lideram a Ouro

Quatro jogos foram realizados na noite desta quarta-feira, abrindo a segunda rodada da Chave Ouro, confirmando a liderança para as equipes de Guarapuava e Copagril, que conquistaram mais uma vitória e chegaram aos seis pontos.

O Guarapuava garantiu a liderança com a vitória sobre o Marreco, por 4 a 2, em uma partida que teve duas expulsões do time de Francisco Beltrão – o ala Canhoto e o técnico Nelsinho Bavier. O Guarapuava foi construindo o marcador desde o primeiro tempo, com gols de Matheus Cortez e Mauricinho. Logo depois, Feitosa ampliou para 3 a 0. O Marreco ensaiou uma reação com Canhoto e, depois, Diou. Mas a reação acabou aí, quando aconteceram as expulsões. Ainda deu tempo de Felipinho concluir o marcador em 4 a 2.

A Copagril recebeu o apoio de mais de 1500 torcedores no ginásio Ney Braga. Uma partida cheia de alternativas e que terminou com a vitória rondonense por 3 a 2. O primeiro tempo não teve gols, mas teve muitas chances de gol. Destaque para o goleiro Henrique, do Cascavel, que foi bastante exigido. O Cascavel só fez Deivd trabalhar a partir dos 12 minutos jogados.
Logo na sequencia, Henrique sofreu uma lesão e Donny entrou na meta, marcando seu retorno ao futsal depois de uma lesão sofrida no ano passado. O experiente goleiro conseguiu fazer boas defesas,mas não segurou a finalização de Pelé, escorando um chute cruzado, abrindo o marcador.
Pouco tempo depois, Silom conseguiu empatar para o Cascavel. A alegria durou menos de dois minutos. Em mais uma batida cruzada, Marquinhos deixou os rondonenses em vantagem.

Em um chute forte da ala, Parrel marcou o gol mais bonito da noite, fazendo a festa da torcida da Copagril. A dois minutos do final, o Cascavel descontou com Batata, do meio da quadra. A partir daí, os visitantes optaram por utilizar goleiro linha para tentar o empate. A formação não deu resultado. Para azar do Cascavel, Issamu ainda sofreu uma lesão e precisou deixar o ginásio em uma ambulância,provavelmente com lesão no joelho.

O Foz, que fez bonito fora de casa na primeira rodada, decepcionou sua torcida ao sofrer uma virada do Umuarama. O time da fronteira saiu na frente com Dilvo, mas acabou não segurando o adversário, que marcou com GAva, Pierre e Sol Sales, fechando o placar em 3 a 1.DSC_0100_1

Em Paranavaí, o jogo começou com atraso de mais de uma hora por conta da conturbada viagem do Toledo. Primeiro, um desvio na estrada. Depois, o motorista do ônibus passou mal e, por fim, um pneu furou. Com bola rolando, Luciano abriu o marcador para o São Lucas. O time comandado pelo técnico Luciano Bonfim partiu para o ataque, mas acabou cedendo o empate, em uma finalização de São Pedro. Faltando cerca de dois minutos para o fim da partida, houve tempo técnico, e a orientação era para que os jogadores não atacassem para não correr riscos.
Mesmo assim, em uma reposição rápida de lateral, Jonatas chegou para concluir e marcar o segundo gol do São Lucas. A oito segundos do fim do jogo, o Toledo teve um tiro livre direto com São Pedro, que cobrou com precisão e empatou a partida, 2 a 2.

Related Posts

Facebook Comments