A vitória por 1 a 0 sobre o Santa Cruz, no último sábado, tirou o Coritiba da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. A partida, porém, pode ter provocado duas importantes baixas no Coxa. O atacante Kleber e o zagueiro Juninho deixaram a partida lesionados e preocupam para o próximo jogo, domingo, contra o Flamengo, no Couto Pereira.

“Eles vão ter o atendimento médico e nós vamos avaliar a condição física na próxima segunda-feira (hoje). O Juninho chegou no seu limite e o Kléber não tinha mais condição de continuar a partida. Isso mostra que os jogadores estão dando a vida dentro de campo. Todos estão muito desgastados”, declarou o técnico Pachequinho, após a partida.
O substituto imediato de Juninho é Nery Bareiro. Outra opção seria Walisson Maia.
Para o lugar de Kleber, uma opção é Ortega. O turco Kazim também pode jogar como centroavante, abrindo espaço para outro jogador na ponta-direita (Iago e Felipe Amorim, por exemplo).
Pachequinho usou o esquema tático 4-1-4-1 nas duas últimas partidas, com Kleber como único atacante. Kazim jogou na extrema direita da linha de quatro do meio-campo. Na esquerda, o treinador usou Raphael Veiga contra o Santa Cruz. Contra o Atlético-MG, Juan jogou nessa função.
Juan foi suspenso por dez dias – período em que não poderá treinar no clube. A suspensão termina na véspera do jogo com o Flamengo. Por ficar sem treinar, é pouco provável que seja utilizado na partida de domingo. A punição foi por ato de indisciplina.
O departamento médico ainda tenta recuperar os meias Ruy e González. Não há previsão de retorno para os dois jogadores.
Após a vitória de sábado, o técnico Pachequinho elogiou os jogadores. “Uma vitória dessa coroa o que a gente vinha fazendo e era o que estava faltando. Jogo passado (contra o Atlético-MG) foi reflexo disso. A gente teve um comportamento muito ofensivo, muito forte e poderia ter tido um resultado melhor”, declarou.
“Ficava aquela coisa da vontade de ganhar, que irrita a gente, os jogadores e a torcida. Quero deixar bem claro que a postura dos jogadores era sempre de vencer. Eles coroaram um belo futebol com um resultado que nos queríamos e estávamos fazendo por isso. Infelizmente não acontecia da forma como imaginávamos”, disse.

Recife

Santa Cruz: 0

Tiago Cardoso; Leonardo Moura, Wellington Silva, Danny Morais e Tiago Costa; Uilliam Correia, Marcílio (Marcinho), Arthur (Danilo Pires), João Paulo e Keno; Marion (Bruno Morais).
Técnico: Mílton Mendes

Coritiba: 1

Wilson; Ceará, Luccas Claro, Juninho (Nery Bareiro) e Carlinhos; Edinho, João Paulo, Alan Santos e Raphael Veiga (Felipe Amorim); Kazim e Kleber (Iago). Técnico: Pachequinho.

Gol: Kleber (32-1º)
Cartões amarelos: Carlinhos, Tiago Cardoso, João Paulo (S)
Árbitro: Wilton P. Sampaio (GO)
Público: 10.021 (pagante)
Local: Estádio Arruda

Related Posts

Facebook Comments