Está marcada para o dia 1º de abril a assembleia de eleição do novo presidente do Atlético de Paranavaí. A convocação foi feita pelo presidente do Conselho Deliberativo, Osmar de Jesus da Silva (Mazinho), um dia depois de Luiz Sérgio de Oliveira pedir renúncia como presidente da diretoria executiva.
Também sai toda a diretoria, mas Osmar da Silva informa que alguns diretores devem continuar ajudando o Vermelhinho durante a disputa do Paranaense da 2ª Divisão. Oliveira apresentou carta de renúncia anteontem alegando problema de ordem pessoal, estando sem condições de conduzir o clube.
O novo presidente vai assumir o clube com a folha salarial em atraso e dívidas com fornecedores. Apesar desse quadro, o presidente do Conselho diz ter interessados em ocupar a presidência. Ele vai exigir da diretoria que está saindo “um levantamento da situação financeira do clube”.
A princípio, está em atraso a folha de pagamento dos atletas referente ao mês de fevereiro, e duas folhas em atraso da comissão técnica. Mas o dirigente ainda vai esperar um balancete para confirmar essas informações.

COBRA DIRETORIA – Mesmo que não abertamente, o técnico Lio Evaristo deixou claro na entrevista uma cobrança à diretoria pelo atraso no pagamento do salário. Comentou o assunto ao abordar a necessidade de reforços para o meio campo e ataque.
“Primeiro é preciso acertar a situação de quem está aqui, de quem está trabalhando e passando dificuldades. Eles estão levando o trabalho a sério”. Evaristo entende que o elenco atual é bom, mas concorda com a necessidade de trazer mais um meia e um atacante.

Related Posts

Facebook Comments