O atacante Walter ficou no banco de reservas do Atlético Paranaense na partida desse domingo. Aos 30 minutos do segundo tempo, quando o técnico o Paulo Autuori fez a terceira substituição na partida, o jogador abandonou o banco e foi para o vestiário. A atitude foi condenada pelo treinador.

“Não vi isso porque eu estava concentrado no jogo. Mas, se ocorreu, isso não pode acontecer. É preciso respeito aos demais companheiros”, declarou Autuori.

O treinador também comentou a atitude de parte da torcida, que vaiou o time por insistir na troca de passes ao tentar construir jogadas. “Queremos jogar sem dar chutão. Futebol brasileiro acha que jogar para frente é pegar a bola e jogar a bola lá para a frente. E disputar lá. Nós não vamos fazer isso”, afirmou. “O futebol brasileiro está desse jeito por causa disso (dos chutões”, criticou.

Em relação ao desempenho da equipe, Autuori elogiou. “Acho que melhoramos, construímos bem”, analisou.

Related Posts

Facebook Comments