O Copel Telecom / Maringá Vôlei conquistou na noite de quinta-feira (28) a décima vitória na Superliga masculina. Agora, o time tem 50%
de aproveitamento em relação aos jogos disputados, já que acumula dez insucessos na competição. E o resultado positivo, de três sets a
um, contra o lanterna e rebaixado São Judas-SP, foi importante. A equipe saiu do sétimo para o quinto lugar na classificação, com 32
pontos, quatro atrás do poderoso Sesc-RJ, quarto colocado, e a 18 pontos do líder Sesi-SP.
Com o resultado, se a competição terminasse hoje, o rival do time maringaense nos playoffs da segunda fase seria o Sesc-RJ, e o primeiro
jogo no Ginásio Chico. Pelo regulamento, o quarto colocado enfrenta o quinto melhor na etapa seguinte. Os confrontos estabelecidos são os seguintes: 1º x 8º, 2º x 7º, 3º x 6º e 4º x 5º.

As duas últimas rodadas servirão justamente para se estabelecer o posicionamento das oito melhores equipes e confirmar os confrontos da etapa seguinte. O Copel Telecom / Maringá Vôlei terá pela frente Fiat/Minas e Taubaté-SP, ambos fora.

O JOGO
O Ginásio Chico Neto não lotou, mas recebeu bom público no jogo da nona rodada do returno. Já classificado, o time de Maringá entrou em quadra mais tranquilo, mas em busca da vitória. Do outro lado, o São Judas, sem qualquer responsabilidade pelo descenso antecipado, encarou a partida com responsabilidade e fez ´jogo duro´. No primeiro set, a parcial ficou em 25 a 22 para Maringá, que ampliou para dois sets a zero, com placar de 25 a 23. No terceiro set, o placar foi favorável para o adversário, com 25 a 22, mas Maringá matou o jogo na sequência, com parcial de 25 a 21. Lucas Borges, com 14 acertos, foi o maior pontuador da partida.
O Maringá Vôlei, comandado pelo técnico Alessandro Fadul, atuou com Rodrigo Rodrigues, Lucas Borges, Vinicius Silveira, Daniel Oliveira, Leandro Silva, Johan Marengoni, David Costa, Mário Junior, Hugo Silva e Rômulo Silva.

Related Posts

Facebook Comments