Felipe Giaffone confirmou o domínio e a invencibilidade neste início de temporada 2016 da Fórmula Truck. Ele repetiu o desempenho da etapa de abertura, em Santa Cruz do Sul, e venceu de ponta a ponta em Curitiba, abrindo boa frente no campeonato.

Pedro Muffato, que neste ano completa meio século de corridas, ficou a uma posição de um lugar ao pódio. Ele que não correu em Santa Cruz porque sua equipe ainda desenvolvia o novo módulo eletrônico de potência, foi sexto colocado. O que considerou como bom resultado numa prova que “se divertiu muito”, ele conta.

“Foi um bom resultado com o equipamento que temos”, disse reconhecendo o trabalho da equipe. “Conseguimos bom acerto de chão. Mas não tínhamos muita velocidade na reta. E acho que peguei a mão dos pneus Pirelli, que como não corri a primeira do ano, eram novidades para mim”.

David Muffato, que compete pela RM Competições, teve duas partes distintas na prova. Largando na décima posição, fez ótima largada ganhado várias posições, chegando em terceiro lugar na primeira parte da corrida. Ele admite que não tinha caminhão o para ameaçar Felipe Giaffone e Diogo Pachenki nos dois primeiros lugares.

“Percebi logo nas primeiras voltas que não ia acompanhar o ritmo deles. Senti falta de mais tração para acompanha-los, então mantive o ritmo pensando no campeonato”. A quebra da turbina na segunda parte da prova, no entanto, complicou-lhe a estratégia. Eu vinha bem, administrando a corrida e pensando no campeonato. Mas quebras são parte da corrida”, resumiu. A próxima etapa será dia 15 de maio, em Campo Grande, Mato Grosso do Sul.

RESULTADO DA FÓRMULA TRUCK EM CURITIBA
(As duas fases da segunda etapa do Campeonato Brasileiro)
Primeira parte, 13 voltas (15 primeiros)
1º) Felipe Giaffone (SP/Volkswagen-MAN), RM Competições, com 26min14s349
2º) Diogo Pachenki (PR/Mercedes-Benz), Copacol Truck Racing, a 3s909
3º) David Muffato (PR/MAN), RM Competições, a 6s909
4º) Raijan Mascarello (MT/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, a 10s474
5º) Gustavo Magnabosco (SC/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, a 10s841
6º) Regis Boéssio (RS/Volvo), Clay Truck Racing, a 17s130
7º) Adalberto Jardim (SP Voskswagen-MAN), RM Competições, a 19s519
8º) Débora Rodrigues (PR/Volkswagen-MAN), RM Competições, a 28s077
9º) Ricardo Sargo (SP/Volvo), ABF Motorsport), a 28s754
10º) Valmir Benavides (SP/Iveco), Fábio Fogaça Motorsports, a 29s456
11º) Pedro Muffato (PR/Scania) Muffatão, a 30s602
12º) Leandro Totti (PR/Volvo), Clay Truck Racing, a 37s119
13º) Joel Mendes Jr (Ford), Fabio Fogaça Motorsport, a 40s730
14º) Alex Fabiano (SP/Volvo), Azulim Indy Truck Racing, a 43s269
15º) Luiz Lopes (SP/Iveco / Lucar Motorsport, a 1min18s760
Melhor volta: Felipe Giaffone, com 1min43s044, média de 129,1 km/h

Segunda parte, 12 voltas (15 primeiros)
1º) Felipe Giaffone (SP/Volkswagen-MAN), RM Competições, com 28min06s321
2º) Diogo Pachenki (PR/Mercedes-Benz), Copacol Truck Racing, a 1s842
3º) Gustavo Magnabosco (SC/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, a 11s542
4º) Raijan Mascarello (MT/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, a 11s542
5º) Regis Boéssio (RS/Volvo), Clay Truck Racing), a 21s650
6º) Pedro Muffato (PR/Scania), Muffatão, a 33s738
7º) Alex Fabiano (SP/Volvo), Azulim Indy Truck Racing a 34s211
8º) Débora Rodrigues (PR/Volkswagen-MAN), RM Competições, a 1volta
9º) Valmir Benavides (SP/Iveco), Fábio Fogaça Motorsports, a 2 voltas
10º) Ricardo Sargo (SP/Volvo), ABF Motorsport, a 3 voltas
11º) Luiz Lopes (SP/Iveco), Lucar Motorsport, a 4 voltas
12º) Paulo Salustiano (SP/Mercedes-Benz), ABF/Mercedes-Benz, 2min02s869
13º) Adalberto Jardim (SP Voskswagen-MAN), RM Competições, a 8 voltas
14º) Leandro Totti (PR/Volvo), Clay Truck Racing, a 8 voltas
15º) David Muffato (PR/MAN), RM Competições, a 10 voltas
Melhor volta: Felipe Giaffone, com 1min43s266, média de 128,8 km/h

Após duas etapas, os dez primeiros no campeonato são: 1º) Felipe Giaffone, 105 pontos; 2º) Diogo Pachenki, 82; 3º) Raijan Mascarello, 62; 4º) Gustavo Magnabosco, 61; 5º) Débora Rodrigues, 50; 6º) David Muffato, 47; 7º) Adalberto Jardim, 46; 8º) Paulo Salustiano, 45; 9º) Alex Fabiano, 42; 10º) André Marques, 32.

Related Posts

Facebook Comments