Marques e Cirino farão dupla na Cascavel de Ouro

Marques e Cirino farão dupla na Cascavel de Ouro

A participação de pilotos de competições nacionais tem sido, nos últimos anos, uma das características principais da Cascavel de Ouro. A corrida longa de maior tradição no automobilismo paranaense mantém essa tendência em sua 32ª edição, que vai distribuir premiação inédita de R$ 150 mil no dia 18 de novembro no Autódromo Internacional Zilmar Beux, em Cascavel. A primeira série nacional com pilotos confirmados no grid é a Copa Truck.

O paranaense Wellington Cirino e o paulista André Marques, pilotos dos caminhões Mercedes-Benz da AM Motorsport na Copa Truck, vão reeditar sua parceria na Cascavel de Ouro. Eles confirmaram nesta segunda-feira (5) sua inscrição na corrida, para revezar em treinos e na corrida a pilotagem do VW Gol número 77 da Speed Car. A equipe comandada pelo preparador Cláudio Deitos deverá tomar parte do grid com três carros.

Marques, que venceu em 2016 a última corrida disputada no circuito de Cascavel pela extinta Fórmula Truck, já esteve no pódio da Cascavel de Ouro. Foi sétimo colocado em 2015, formando dupla com o goiano Rogério Castro. Cirino, naquela edição, terminou em 18º formando dupla com César Bonilha, também paranaense. No ano passado ele esteve inscrito para correr ao lado de Edson Massaro, piloto e promotor da Cascavel de Ouro.

“Conciliar a organização do evento e a atuação como piloto não é fácil, é uma combinação bem atribulada. Por isso, decidi ficar do lado de fora da pista”, explica Massaro, confirmando que não vai correr na Cascavel de Ouro. “No ano passado o Cirino fez um trabalho fantástico dentro da equipe, o que me levou a reforçar o convite a ele para pilotar o meu carro neste ano. Deixei a escolha do parceiro a critério dele, e a escolha dele foi ótima”, considera.

Outro carro da Speed Car já confirmado na Cascavel de Ouro de 2018 é o de Lorenzo Massaro, filho de Edson. Seu parceiro na pilotagem do VW Gol número 64 ainda não foi definido. Ele esteve na pista nas edições de 2015 e de 2016 ao lado de Cleves Formentão. No ano passado, Paulo Salustiano foi seu parceiro. “É uma definição que vai acontecer com calma, mas preferimos fazer a inscrição desde já para aproveitar o desconto na taxa”, diz o piloto.

INSCRIÇÕES E PREMIAÇÃO
A organização da Cascavel de Ouro abriu as inscrições com nove meses de antecedência, visando proporcionar aos pilotos e equipes maior prazo para a formação das parcerias necessárias. Há um desconto de R$ 1.000 na taxa de todas as inscrições efetuadas até 30 de abril – dos R$ 5.000 estipulados no regulamento, a taxa cai a R$ 4.000. Entre 1º de maio e 31 de julho o desconto será de R$ 500, com a taxa sendo reduzida a R$ 4.500.

A 32ª Cascavel de Ouro oferecerá premiação recorde de R$ 150 mil. Os vencedores receberão R$ 100 mil, havendo ainda premiação de R$ 20 mil para o segundo lugar, R$ 12 mil para o terceiro, R$ 8 mil para o quarto e R$ 5 mil para o quinto, além de R$ 5 mil à dupla ou ao trio pole position. Informações a respeito das inscrições podem ser solicitadas por pilotos e equipes pelo e-mail cascaveldeouro2018@gmail.com ou pelo fone (45) 9 9937-1052.

Related Posts

Facebook Comments