Depois de ter o jogo adiado em Foz do Iguaçu no último final de semana devido as manifestações do Movimento Sem Terra (MST) nas rodovias paranaenses, o elenco do Calçados Catarinense/ Alegra Foods/ Caramuru Futsal se reapresentou no início da semana e continuou com a programação normal de treinamentos, porém, os dias a mais de atividades não é um ponto de comemoração para o técnico Rogério Pruencio, Soneca.

De acordo com Soneca o adiamento do jogo para aquela data foi ruim, pois a equipe perde o ritmo de jogo assim como quebra a boa sequência de vitórias. “Mesmo com uma semana a mais de treinos eu preferia ter jogado”, explicou Soneca, completando que o cartão amarelo dado ao ala Jonas havia sido programado justamente para ele ficar suspenso em um jogo fora de casa. “Ele é nosso artilheiro e vai fazer muita falta nesse jogo em Castro”.

A partida entre o Caramuru e Foz será remarcada, no entanto, até o momento ainda não tem uma data certa para que as equipes se enfrentem. A Diretoria do Caramuru está analisando possibilidades para que o jogo aconteça na próxima semana, mas ainda não tem nada confirmado.

 

Outro ponto de vista

Por outro lado, o elenco sai ganhando no ponto de vista ‘desgaste’. “Ter uma semana a mais é muito bom para quem está ficando muito em quadra e quem está se recuperando, assim como eu”, disse o pivô Sady, fora das quadras devido a uma lesão no joelho.

Na questão de recuperação as palavras de Sady também se encaixam para Lisa. “Ganhei uma semana a mais para intensificar minha recuperação. Ainda sinto um pouco de incômodo no ombro, mas, por mim, já posso retornar, depende do aval do médico agora”, contou o jogador. Lisa, que já retornou aos os trabalhos com bola e se diz bastante confiante no ‘corpo-a-corpo’. “Estou me preparando para estar à disposição do professor Soneca e ajudar a equipe a conquistar mais uma vitória, ainda mais que será diante nosso torcedor”, completou Lisa.

 

Estreantes

O jogo contra o Foz Cataratas seria a estréia dos ‘novatos’ Viola e Vitinho, mas a ansiedade de entrar em quadra defendendo o manto alvinegro, teve que esperar por mais uma semana, o que pra eles é uma coisa boa. “Tivemos um tempo a mais de adaptação, aprimoramento da parte física, técnica assim como o entrosamento com o time”, relataram.

Related Posts

Facebook Comments