Os últimos dois duelos valendo vaga na chave principal do Challenger Aberto do Paraná aconteceram na quadra principal do evento. Oscar José Guitierrez, do Brasil e o francês Gianni Mina acabaram se sobressaindo frente seus oponentes e avançam para a disputa de simples no torneio.

A partida entre Oscar José Gutierrez e Tiago Lopes durou cerca de 2h30min. O duelo entre os dois brasileiros avançou até o set de desempate. Os tenistas vibravam muito durante todo o jogo, cada ponto era como se fosse o decisivo. O primeiro set foi vencido por Lopes, por 6/4. No segundo set Gutierrez sacou bem e complicou a partida para Lopes, a parcial ficou a favor de Gutierrez que venceu por 6/3, igualando a partida em 1 a 1. No set decisivo, apesar do equilíbrio, Gutierrez errou menos e conseguiu ficar com a vantagem no placar após quebrar o saque do adversário no nono game do tie brake. Aí ficou com a vantagem para servir e definir o confronto. Após um ace fechou o set em 6/4 e o jogo em 2 a 1.

Gutierrez disse após o jogo que agora na chave principal pretende seguir o que está fazendo. “O que estou realizando dentro de quadra é fruto de um trabalho longo que venho fazendo, agora é seguir assim e se tiver oportunidade vou ganhar”, disse entusiasmado.

A última partida do dia teve em quadra o brasileiro Nicolas Santos contra o francês Gianni Mina. O atleta da França de 24 anos demonstrou uma superioridade enorme no duelo. Sacando muito bem e com ótimas devoluções, Mina fechou o primeiro set em fáceis 6/0, em apenas 20 minutos de jogo. No segundo set o francês continuou no mesmo ritmo, ao passo que o atleta brasileiro tinha muitos erros não forçados em quadra. Dessa forma Mina fechou o set em 6/2 e a partida em 2 a 0, avançando para a chave principal do torneio.

Mina e Gutierrez se juntam a Caio Silva e Fabricio Neis como classificados para a chave principal do Challenger Aberto do Paraná que começa nesta segunda-feira (29).

O governador do estado, Beto Richa, disse que a competição coloca o Paraná no circuito mundial deste esporte e destacou o gosto pessoal pelo tênis. “Sou um admirador, um aficionado e, quando posso, disputo partidas com o mesmo afinco que imprimimos em nossa administração em todas as modalidades esportivas, como superação e desenvolvimento pessoal e coletivo”, disse Richa.

Confira os resultados das duas primeiras partidas deste domingo

Andre Miele 0x2 Fabricio Neis –  parciais 7/6 (5) e 6/1

Alex Blumenberg 1×2 Caio Silva – parciais 6/4, 4/6 e 2/6

Oscar José Gutierrez 2×1 Tiago Lopes – parciais 4/6, 6/3 e 6/4

Gianni Mina 2×0 Nicolas Santos –  parciais 6/0 e 6/

Related Posts

Facebook Comments