Sob forte calor de 30 graus da capital paulista, a equipe do Coritiba entrou em campo, na tarde deste domingo (28), no estádio do Morumbi, e garantiu um ponto no Campeonato Brasileiro. A partida foi a centésima do técnico Paulo César Carpegiani a frente do Coxa. Ele já assumiu a equipe em outras duas oportunidades: uma em 1989 e outra em 1995.

Sem Kazim e Kleber, que seguem sob cuidados do Centro de Excelência no Esporte do Coritiba (CEECOR), entraram em campo com a camisa alviverde os seguintes  jogadores: Wilson, Luccas Claro, Juninho, Dodô, César Benitez, João Paulo (Walisson Maia),Edinho, Juan, Raphael Veiga, Neto Berola (Ortega) e Vinícius (Iago Dias).

Primeiro tempo sem gols

Nos gramados do estádio do Morumbi, o primeiro tempo foi bastante disputado e com muitas faltas, entre Coritiba e São Paulo. O time da casa vinha de um sábado conturbado pela pressão da torcida que, inclusive, invadiu o Centro de Treinamento da equipe, cobrando e hostilizando atletas e dirigentes.

Com esta responsabilidade, os são-paulinos foram pra cima da equipe coxa-branca que, no decorrer da partida, passou a jogar mais recuada em seu campo de defesa. Logo aos 5’ de jogo, Neto Berola chegou sozinho na grande área, com sede de gol. Porém, a bola passou por cima da trave. Outra significativa oportunidade criada pelo Verdão foi mais tarde, aos 33’, com Vinícius.

O atacante invadiu a grande área, também pela esquerda, e mandou a bola para Raphael Veiga, que acabou caindo e não conseguiu finalizar. Depois disto, o São Paulo se esforçava no ataque, exigindo trabalho dos jogadores do Verdão. A primeira tentativa foi aos 11’, com Kelvin, que chutou. Mas, a bola parou nas mãos do goleiro Wilson.

Susto, mesmo, foi aos 35’, quando Cueva lançou para Mena, que cruzou de primeira para Chávez. De frente para as redes, ele chutou mal e a bola passou por cima do gol. Antes disso, o mesmo Cueva recebeu na entrada da área e arriscou. Mas, a bola foi embora pela direita.

Ao sair dos gramados, no final da etapa, Neto Berola fez questão de destacar as chances do Coxa e prometeu mais atenção por parte da equipe para o segundo tempo. “Criamos boas oportunidades no início, comigo, com Vinícius, que fez boa jogada. Agora é voltar mais atento no segundo tempo para sair com a vitória”, disse.

Coritiba garante um ponto na competição com ótimas defesas de Wilson

No início do segundo tempo, Carpegiane optou pela substituição do atacante Vinícius por Iago Dias. Ao longo da etapa, quem também saiu foi Neto Berola, para a entrada de Ortega, e João Paulo para a entrada de Walisson Maia.

Em relação ao primeiro tempo, no segundo, a partida ganhou mais ritmo. Enquanto o São Paulo criava oportunidades, o goleiro Wilson protagonizava ótimas defesas. Começou aos 5’, desta vez com Chávez, que chutou de fora da área. A muralha Alviverde mandou pra escanteio.

A primeira tentativa do Coxa foi aos 9’, com Berola. O atacante recebeu de Juan, pela esquerda, e, de frente pro gol, tentou de cabeça. Mas, a bola passou por cima da trave.

Michel Bastos chegou a marcar gol. Mas, para a sorte do Coxa, o juiz registrou o impedimento. Aos 15,’ outro susto para a equipe do Verdão. Chavez chutou forte. Mas, a bola rolou pela esquerda.

Grande chance teve o Coritiba com Veiga, minutos depois. O camisa 20 chutou no meio da trave e o goleiro Denis defendeu. O jogo seguiu destacando o goleiro coxa-branca, cuja atuação contribuiu muito para segurar o placar no zero a zero, garantindo mais um ponto para o Verdão na competição.

Próximo Compromisso

O próximo jogo do Coxa é em casa, contra o Vitória, partida de volta da Copa Sul-Americana. A bola vai rolar a partir das 17h.

Confira a ficha técnica da partida:

 

Brasileiro 2016 – 22ª rodada

São Paulo 0 X 0 Coritiba
Local: Morumbi – São Paulo – SP
Data: 28/08/2016
Horário: 16:00hÁrbitro: Francisco Carlos do Nascimento
Assistentes: Esdras Mariano de Lima Albuquerque e Pedro Jorge Santos de Araujo
Quarto Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza

Coritiba: Wilson, Dodô, Luccas Claro, Juninho, Cesar Benitez, João Paulo (Walisson Maia), Edinho, Juan, Raphael Veiga, Neto Berola (Ortega) e Vinícius (Iago Dias)
Técnico: Carpegiani
Banco: Rafael Martins, Walisson Maia, Amaral, Bernardo, Ícaro, Thiago Lopes, Iago Dias, Ortega e Leandro

São Paulo: Dênis, Buffarini, Lyanco, Maicon, Mena, Thiago Mendes, Hudson, Kelvin (Pedro), Michel Bastos (Luiz Araújo), Cueva e Chávez
Técnico: Ricardo Gomes
Banco: Lucão, Lugano, Carlinhos, Daniel, Wesley, João Schmidt, Léo, Auro, Matheus Reis, Luiz Araújo, Artur e Pedro

GOLS DO JOGO Gols:
Não houve

Cartões DO JOGOCartões:
Amarelos: Buffarini (São Paulo)Edinho (Coritiba), Mena (São Paulo), Mena (São Paulo)
Vermelhos: Não houve

Related Posts

Facebook Comments