O Londrina afastou os fantasmas e venceu o Joinville por 1 a 0, na noite deste sábado, no estádio do Café, pela 23ª rodada da série B. Com a vitória, o Tubarão chegou aos 37 pontos, a mesma pontuação do CRB, quarto colocado. O time alagoano ainda joga na rodada.

No 24º confronto do Londrina contra o Joinville em 40 anos, o time alviceleste venceu o time catarinense. O primeiro tempo foi marcado pelo equilíbrio. Os dois times permaneceram no zero a zero, com três grandes oportunidades do Londrina frustradas pelas defesas do goleiro Samuel Pires. O Joinville também perdeu três chances claras de gol, com finalizações muito ruins. O time catarinense iniciou a partida melhor, tocando mais a bola e marcando a saída de bola do time londrinense. O time alviceleste enfrentou dificuldades para fazer a ligação do campo de defesa para o ataque e o estreante Marcos Vinícius não repetiu o bom desempenho que mostrou nos treinos.

Aos 23 minutos, Samuel Pires faz uma brilhante defesa após chute perigoso de Zé Rafael. Na sequência, Keirrisson mostra a que veio. Em uma das jogadas mais perigosas ele desviou de cabeça, mas Samuel fez boa defesa. Aos 34 minutos, Rondinelly cruza para Keirrison que quase marca. Samuel Pires espalma de forma milagrosa e a defesa tira a bola.
Em um jogo bastante equilibrado, Givan, do Joinville, recebeu cartão amarelo aos 16 minutos do primeiro tempo. Aos 40 minutos da primeira etapa, Keirrisson iria sair na cara do gol, quando o zagueiro do tricolor catarinense, Fabiano Eller, fez falta no atacante do Tubarão. Como era o último homem, Eller foi expulso. Aos 45 minutos, o técnico Lisca, do Joinville também foi expulso de campo por reclamação.

No intervalo o centroavante Giva é sacado para a entrada do defensor Jaime.
Aos seis minutos do segundo tempo Zé Rafael, do Londrina, abriu o placar em uma bela jogada em que ele partiu para cima da marcação, a bola bate na zaga, volta e Zé Rafael pega a sobra novamente e chuta forte no canto esquerdo do goleiro do JEC.
Aos dez minutos, o Joinville pegou a bola de uma bobeada de Bidía e se não fosse Everton Sena, o Londrina sofreria o empate.

Aos 12 minutos, Keirrison quase marca novamente, mas o auxiliar marcou o impedimento.
Tencati substituiu Marcos Vinícius por Itamar aos 16 minutos e aos 18 minutos Bidía recebeu cartão amarelo por uma falta mais incisiva. Outro a receber cartão amarelo do time londrinense foi Itamar, aos 27 minutos. Esse foi o terceiro dele e agora ele ficará fora da próxima partida.

A entrada do jogador deixou o time mais lento e Tencati teve que fazer a troca de um volante por outro. Aos 28 minutos França fez a sua estreia no Londrina ao substituir Bidía.

Aos 40 minutos o Joinville tem outro jogador expulso. Everton Silva levou cartão vermelho depois de aplicar uma cotovelada em França.

Mas a vantagem no placar e no número de jogadores não se converteu em tranquilidade. O time catarinense sufocou o Londrina e por pouco não empatou a partida ao acertar o travessão do goleiro Marcelo.

Agora o Londrina possui um histórico de oito vitórias contra o JEC. Antes dessa partida, o Londrina possuía o mesmo número de vitórias que o seu adversário: sete. Os dois times empataram em nove confrontos anteriores. O Londrina agora está com 37 pontos e permanece em sexto lugar na tabela.

O Londrina volta a jogar no sábado, em Curitiba, contra o Paraná. Já o Joinville recebe o Tupi, na próxima terça-feira, em Londrina.

Londrina: Marcelo Rangel; Lucas Ramón, Everton Sena, Matheus e Paulinho; Bidía, Fillipe Soutto, Rondinelly e Zé Rafael; Marcos Vinícius (estreante) e Keirrison. Técnico: Cláudio Tencatti

Joinville: Samuel Pires; Reginaldo, Danrlei, Fabiano Eller e Diego; Naldo, Bertotto, Bruno Ribeiro e Bruno Farias; Giva (Jaime) e Jael. Técnico:Luiz Carlos Cirne Lima de Lorenzi (Lisca)

Arbitragem: André Luiz de Freitas Castro (GO)

Gol: Zé Rafael

Local: Estádio do Café

Related Posts

Facebook Comments