O Campeonato Metropolitano de Velocidade de Curitiba de 2016 começa neste fim de semana em clima de nostalgia. Esta será a última competição a ser disputado no Autódromo Internacional de Curitiba, situado em Pinhais, na Grande Curitiba. No fim de junho o autódromo considerado o segundo melhor do Brasil será fechado. Por isso todos os pilotos querem participar do campeonato e deixar o seu o nome na história como participantes e quem sabe como os últimos vencedores do circuito.

O campeonato será disputado em seis etapas, mas com o fechado do autódromo, as duas últimas etapas serão disputadas em Londrina e Cascavel. A primeira etapa será disputada sábado e domingo; a segunda nos dias 23 e 24 de abril; a terceira em 28 e 29 de maio; e a quarta em 18 e 19 de junho. A quinta etapa foi marcada para os dias 9 e 10 de julho, em Londrina; e a sexta e última nos dias 10 e 11 de setembro, em Cascavel.

Programação

A programação da etapa de abertura do Metropolitano de Curitiba começa na sexta-feira, com a realização dos treinos livres.

No sábado, os treinos livres serão a partir das 8 horas. Já os treinos classificatórios, que definirão os grid de largada, têm esta programação: das 11h40 às 12 horas, Classic; das 13 às 13h15, Marcas; das 13h20 às 13h35, Turismo; e das 13h40 às 13h55, Turismo 5000.

Às 15h05, será disputada a 1ª prova da Classic; 15h55, 1ª prova de Marcas; das 16h40 às 16h50, 1º treino classificatório da Sprint Race; das 17 às 17h10, 2º treino classificatório da Sprint Race.

Já o domingo será todo de provas. Ás 9 horas, largada da 1ª prova da Sprint Race; às 9h45, 1ª prova da Turismo 5000; 10h35, 1ª prova da Turismo; 11h45, 2ª prova de Marcas; 13h25, 2ª prova da Classic; 13h55, 2ª prova da Sprint Race; 14h40, 2ª prova da Turismo 5000; e às 15h25, largada da 2ª prova da Turismo.

Related Posts

Facebook Comments