Paraná é vice nos Jogos Escolares

O Paraná manteve a tradição de alcançar boas colocações nos Jogos Escolares da Juventude, competição organizada pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB). Os estudantes atletas paranaenses terminaram a disputa entre os melhores do País na edição 2016, com o segundo lugar na classe A, para jovens de 15 a 17 anos.

Conhecida no meio estudantil como “Força Verde”, a delegação do Paraná conquistou 43 medalhas, sendo superada apenas por São Paulo. Em setembro, os estudantes paranaenses já haviam conquistado o inédito título de campeões da classe B, para atletas de 12 a 14 anos, comprovando o avanço do esporte escolar no estado.

“Temos que parabenizar as meninas e meninos pelo empenho. É uma conquista que nos emociona e orgulha por colocar o nosso Estado em destaque no cenário esportivo brasileiro”, afirmou o governador Beto Richa. “Este é o prêmio por se acreditar e investir em esporte”.

O secretário do Esporte e do Turismo, deputado estadual licenciado Douglas Fabrício, também comemorou o resultado. “A participação do Paraná mais uma vez foi espetacular. Não é por acaso que é conhecido como a Força Verde”, disse. “É o resultado do trabalho feito pelo Governo do Paraná e pelos municípios que investem e querem cada vez mais que o esporte seja referência na formação educacional dos nossos jovens. Parabéns a todos”, afirmou.

DISPUTAS – Os destaques nas modalidades coletivas foram os títulos no basquetebol masculino para o Colégio Luterano Rui Barbosa, de Marechal Cândido Rondon, uma conquista inédita para o Paraná, e no futsal feminino, para o Colégio OPET Bom Retiro, de Curitiba.

A decisão do título no basquetebol masculino, contra o Colégio Vasco da Gama (RJ), foi emocionante. A equipe do Rui Barbosa manteve o equilíbrio no placar na maior parte do jogo. Porém, os cariocas colocaram oito pontos de vantagem nos últimos minutos da partida. O Paraná reagiu, empatando a partida com quatro arremessos seguidos. O último ponto veio após o arremesso do pivô Jorge em uma falta sofrida aos cinco segundos finais. A partida encerrou em 50 a 49, consagrando o colégio na conquista inédita do Paraná na modalidade e naipe.

O técnico Guilherme Roma atribuiu a vitória à garra do time que não desistiu em nenhum momento. “Esses moleques foram guerreiros demais. Eles acreditaram que era possível e viraram o jogo. A gente queria ficar entre os quatro, mas ser campeão é muito melhor. Isso coroa o esforço de cada um deles. Viemos de uma cidade do interior do Paraná, muitos não acreditavam e nem conheciam a gente e hoje somos campeões brasileiros,” comemorou o técnico.

FUTSAL – Se na final do basquetebol a partida foi tensa, na decisão do futsal as meninas do OPET deram um show em quadra, com mais tranquilidade no placar. Após encerrar o primeiro tempo em 2 a 0, o colégio voltou com força total e goleou a Escola Estadual José Mota (AM), encerrando a partida em 6 a 0. A artilheira da partida foi a pivô Luana Grabias, com três gols.

Para o técnico campeão, Sandro Mendes, essa conquista um ano após o rebaixamento é mérito de cada uma das atletas. “Essa vitória tirou um caminhão das minhas costas e elas estão de parabéns por tudo que fizeram na competição e durante toda a preparação para chegar até aqui. Estou muito orgulhoso de todas”, declarou.

Na disputa de terceiro e quarto lugares do basquetebol feminino, o Colégio COC Semeador, de Foz do Iguaçu, derrotou por 73 a 43 a Escola Rural (RS) e ficou com a medalha de bronze. Obstinado, o Colégio Estadual Olavo Bilac, de Sarandi, entrou com tudo em quadra e também garantiu o bronze após vitória por 25 a 20 sobre o Colégio Industrial de Lages (SC).

No voleibol mais duas medalhas de bronze foram conquistas. No feminino, o Colégio Expoente Água Verde enfrentou o COC Uberlândia (MG) e venceu com facilidade por 3 sets a 0 (25/23, 25/17 e 25/6). Já no masculino, Colégio Neo Master levou um susto no segundo set, mas acabou sendo superior na partida e encerrou em 3 sets a 1 (25/23, 17/25, 25/16 e 25/13), garantindo o bronze sobre o Colégio Sinodal (RS).

No futsal e handebol, no naipe masculino, o Paraná disputará o torneio no próximo ano na segunda divisão. O futsal feminino volta à primeira divisão e se junta às demais equipes que permaneceram na elite.

TALENTO OLÍMPICO – Entre os atletas participantes das modalidades coletivas, sete são bolsistas do TOP 2016. No basquetebol feminino: Tayen Miranda e Pâmela Silva; no masculino: Raul Eiras e Guilherme Brandalize; no voleibol feminino: Milena Miranda e no masculino: Guilherme Sguario e Lucas Guerreiro.

O Paraná se destacou também nas modalidades individuais, responsáveis por 37 das 43 medalhas conquistadas. (Confira o desempenho: www.jogosescolares.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=12295&tit=Parana-encerra-participacao-nas-modalidades-individuais-com-37-medalhas-nos-Jogos-Escolares-da-Juventude)

Os Jogos Escolares da Juventude são organizados e realizados pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), com o apoio do Ministério do Esporte e Grupo Globo. A edição 2016 teve suporte do Governo da Paraíba e patrocínio máster da Coca-Cola.

QUADRO DE MEDALHAS

ATLETISMO

OURO – 400m rasos – Eder Henrique Candim, do Colégio Estadual Tancredo Neves, de Medianeira

PRATA – Lançamento de disco – Caroline Elias de Almeida, do Colégio Estadual Tancredo Neves, de Medianeira

PRATA – Salto em distância – Weslley Beviláqua Beraldo, do Colégio Estadual Dr. Duílio Beltrão, de Tamboara

BRONZE – 110m com barreiras – Weslley Beviláqua Beraldo, do Colégio Estadual Dr. Duílio Beltrão, de Tamboara

BRONZE – 200m rasos – Rafaela Neves Zen, do Colégio Estadual Presidente Costa e Silva, de Cascavel

BASQUETEBOL

Feminino

BRONZE – Colégio COC Semeador, de Foz do Iguaçu

Masculino

OURO – Colégio Luterano Rui Barbosa, de Marechal Cândido Rondon

CICLISMO

PRATA – Contrarrelógio – Amanda Kunkel, do Colégio Estadual Tomaz Edison de Andrade Vieira, de Maringá

OURO – Prova por pontos – Amanda Kunkel, do Colégio Estadual Tomaz Edison de Andrade Vieira, de Maringá

PRATA – Prova por pontos – Esther da Silva Cruz, do Colégio Paraná, de Maringá

PRATA – Prova por pontos – Bruno Martins, do Colégio Estadual Eleodoro Pereira, de Cascavel

OURO – Estrada individual – Amanda Kunkel, do Colégio Estadual Tomaz Edison de Andrade Vieira, de Maringá

FUTSAL

Feminino

OURO – Colégio OPET Bom Retiro, de Curitiba

GINÁSTICA RÍTMICA

OURO – Equipe – Heloisa Bornal, do Colégio Estadual Professora Margarida de Barros, de Londrina e Bárbara Domingos, do Colégio Estadual Guaíra, de Curitiba

OURO – Individual geral – Bárbara Domingos, do Colégio Estadual Guaíra, de Curitiba

OURO – Bola – Bárbara Domingos, do Colégio Estadual Guaíra, de Curitiba

OURO – Fita – Bárbara Domingos, do Colégio Estadual Guaíra, de Curitiba

OURO – Arco – Bárbara Domingos, do Colégio Estadual Guaíra, de Curitiba

OURO – Arco – Heloisa Bornal, do Colégio Estadual Professora Margarida de Barros, de Londrina

PRATA – Bola – Heloisa Bornal, do Colégio Estadual Professora Margarida de Barros, de Londrina

PRATA – Individual geral – Heloisa Bornal, do Colégio Estadual Professora Margarida de Barros, de Londrina

HANDEBOL

Feminino

BRONZE – Colégio Estadual Olavo Bilac, de Sarandi

JUDÔ

BRONZE – Médio (até 81kg) – Giovanni Mangini, do Colégio Erasto Gaertner, de Curitiba

BRONZE – Meio-médio (até 73kg) – Gabriel Adriano, do Colégio Bom Jesus, de Curitiba

OURO – Equipe feminina

NATAÇÃO

OURO – 100m borboleta – Sanny Marques, do Colégio Dom Bosco Batel, de Curitiba

OURO – 100m borboleta – Júlio Nobuyuki Ito, do Colégio Nobel, de Maringá

PRATA – 50m livre – Maria Eduarda Pereira, Colégio Dom Bosco Batel, de Curitiba

OURO – 100m peito – Stefan Kaminski, do Colégio Positivo, de Curitiba

OURO – 50m borboleta – Júlio Nobuyuki Ito, do Colégio Nobel, de Maringá

OURO – 50m peito – Stefan Kaminski, do Colégio Positivo, de Curitiba

PRATA – 100m costas – Maria Eduarda Pereira, Colégio Dom Bosco Batel, de Curitiba

PRATA – Revezamento 4x50m medley feminino

PRATA – Revezamento 4x50m medley masculino

TÊNIS DE MESA

OURO – Equipe feminino – Daniela Yano, do Colégio Ateneu, de Londrina e Jully Nagao, do Colégio São Francisco Xavier, de Maringá

BRONZE – Equipe masculino – Lucas Henrique Nomura, do Colégio Estadual Conselheiro Carrão, de Assaí e Gustavo Miura, do Colégio São Francisco Xavier, de Maringá

OURO – Dupla feminina – Daniela Yano, do Colégio Ateneu, de Londrina e Jully Nagao, do Colégio São Francisco Xavier, de Maringá

PRATA – Dupla masculina – Lucas Henrique Nomura, do Colégio Estadual Conselheiro Carrão, de Assaí e Gustavo Miura, do Colégio São Francisco Xavier, de Maringá

BRONZE – Dupla mista – Jully Nagao, do Colégio São Francisco Xavier, de Maringá e Gustavo Miura, do Colégio São Francisco Xavier, de Maringá

BRONZE – Dupla mista – Daniela Yano, do Colégio Ateneu, de Londrina e Lucas Henrique Nomura, do Colégio Estadual Conselheiro Carrão, de Assaí

PRATA – Individual – Daniela Yano, do Colégio Ateneu, de Londrina

VOLEIBOL

Feminino

BRONZE – Colégio Expoente Água Verde, de Curitiba

BRONZE – Colégio Neo Master, de Ponta Grossa

Posted in:
About the Author

Osires Nadal Júnior

Locução em autódromo, estádio, rádio, tv, palestra, cerimonial, formatura. Pauteiro, reporter, produtor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *