Paranaense2020: vitória sobre o Operário mantem tricolor no G8

Paranaense2020: vitória sobre o Operário mantem tricolor no G8

Paraná Clube sofreu, mas venceu o Operário por 1×0, na noite deste domingo (16), na Vila Capanema. O gol da vítoria saiu dos pés do estreante Renan Bressan, aos quinze minutos da segunda etapa, com um belo chute no ângulo. O Tricolor foi superior durante quase toda a partida, válida pela sétima rodada do Paranaense, enquanto o time de Ponta Grossa chegava apenas em jogadas de contra-ataque.

Com a vitória, o time de Allan Aal chegou aos nove pontos e voltou ao G8, zona de classificação às quartas de final do Estadual. Na próxima rodada, o Paraná viaja a Cornélio Procópio para enfrentar o PSTC, no próximo sábado (22).

Já Operário estaciona nos 13 pontos, na quarta colocação do torneio, e enfrenta o União Beltrão, no Estádio Anilado.

O jogo

Por jogar em casa, as primeiras jogadas ofensivas aconteceram por parte do Paraná Clube. Aos três minutos, Raphael Alemão faz boa jogada individual, gira para cima da zaga, mas chuta longe do gol. Em outro lance, cinco minutos depois, Fabrício cobra falta com força, mas a bola sai pela linha de fundo.

O Operário, muito bem postado na defesa, pouco agredia o time da casa. Aos vinte e um minutos, boa chance do Tricolor. Kaio bate falta na direção do zagueiro Thales, mas ele não alcança a bola, que sai pela linha de fundo.

Aos trinta e um minutos, o atacante Rodrigo Rodrigues perde um gol incrível na Vila Capanema. Michel fez boa jogada e arriscou o chute. No rebote do goleiro, Rodrigo Rodrigues chuta com o gol aberto, mas manda para fora.

Na primeira etapa, o Paraná criou ao menos três boas chances de gol, enquanto o Operário não assustava a meta do goleiro Alisson. Mas nos minutos finais, o Fantasma criou duas boas chances de gol. Em uma delas, aos quarenta e cinco, Tomaz Bastos bate escanteio na cabeça de Bonfim, que cabeceia na trave. A bola bate em Alisson que, em dois tempos, segura firme.

O segundo tempo começou da mesma forma que o primeiro: Paraná pressionava o Operário, mas pecava nas finalizações. Aos três minutos, após falha do zagueiro Sosa, Michel arrumou o chute da direita e bate no canto, mas o goleiro André Luiz espalma para fora.

O Paraná abriu o placar aos quinze minutos. Após boa jogada de Marcelo pela direita, a bola sobra para Renan Bressan na entrada da área, que manda no ângulo. 1×0 Paraná na Vila.

O gol fez com que o Operário pressionasse mais o time da casa. Lucas Batatinha e Cleyton foram os atletas escolhidos pelo técnico Gerson Gusmão para tentar reverter a derrota, mas sem sucesso.

No fim da partida, após choque com o volante Kaio, Alisson ficou caído por vários minutos no chão. Tricolor já havia feito as três substituições e o goleiro paranista precisou ‘ir para o sacríficio’, já que não poderia sair da partida. Mesmo assim, o Paraná conseguiu segurar os visitantes e venceu a partida na Vila.

FICHA TÉCNICA
PARANÁ 1×0 OPERÁRIO

Local: Estádio Vila Capanema, em Curitiba (PR).
Data: Domingo, 16 de fevereiro de 2020.
Horário: 18h.
Árbitro: Murilo Ugolini Klein (PR).
Assistentes: Sidmar dos Santos Meurer (PR) e Giovani Marlus de Oliveira Massoquetto (PR).

Paraná: Alisson; Paulo Henrique, Thales, Fabrício e Juninho; Carlos Dias (Renan Bressan), Kaio e Michel (Gabriel Kazu); Thiago Alves, Raphael Alemão e Rodrigo Rodrigues (Marcelo).
Técnico: Allan Aal

Operário: André Luiz; Sávio, Rafael Bonfim, Sosa e Danilo; Jardel, Régis Potiguar (Cleyton) e Tomás Bastos; Douglas Coutinho (Lucas Batatinha), Jefinho e Bustamante (Rafael Chorão).
Técnico: Gerson Gusmão.

Related Posts

Facebook Comments