Tubarões ficam com o vice estadual

A equipe de basquete em cadeira de rodas dos Tubarões/MM/Fundesp/LDPG teve sua sequência de títulos no Paraná quebrada neste final de semana, ao ficar com o vice-campeonato estadual da modalidade. Em Maringá, cidade que recebeu a etapa final da competição, os pontagrossenses venceram Curitiba e Foz do Iguaçu, sendo derrotados por Cascavel, time que acabou ficando com o título paranaense. Assim, depois de três anos consecutivos, os Tubarões pela primeira vez em campeonatos oficiais do Paraná, terminam com o vice-campeonato. O time de Curitiba ficou com a terceira posição.
Na sexta-feira (25) os Tubarões estrearam diante do Fênix, de Curitiba. O confronto foi extremamente equilibrado, sendo definido nos segundos finais com uma cesta para o representante de Ponta Grossa. O jogo terminou em 44 a 42 para o time comandado pelo técnico Ben Hur Chiconato. No sábado (26) os princesinos enfrentaram a APAC/Cascavel, no jogo que poderia dar o título estadual antecipado. O início não foi bom para Ponta Grossa, que chegou a estar 16 pontos atrás até a metade do terceiro quarto. Uma reação espetacular colocou os Tubarões a frente do marcador até faltar pouco mais de um minuto para o encerramento do jogo, quando o time perdeu Vinícius da Luz, principal articulador das jogadas de ataque. A equipe não resistiu, e acabou perdendo por 42 a 38. No domingo (27) o adversário foi o Harpia da Fronteira, de Foz do Iguaçu. Com uma defesa bem postada, e tendo ótimos arremessos a média distância, os pontagrossenses se impuseram desde o início do confronto, com o jogo terminando com vantagem de 49 a 32. O resultado colocou a equipe como vice-campeão de 2016. Igor Andrade foi eleito um dos melhores jogadores do torneio, fazendo parte da seleção dos “All Stars” da divisão A.
Na avaliação do técnico Ben Hur o comportamento do time em Maringá foi surpreendente. “Não contamos com dois jogadores titulares, e perdemos muito no rodízio da equipe. Isto teve um peso muito grande nos jogos contra Curitiba e Cascavel”, comentou o técnico. Ele afirma que o basquete em cadeira de rodas do Paraná cresceu muito nesta temporada, e venceu o time com maior investimento, especialmente na contratação de jogadores. “Jogamos muito bem, diante das adversidades, e tivemos uma grande possibilidade de sermos campeões. O esporte é assim, e no balanço final, diante do que vivemos neste ano, nosso resultado foi excepcional”, finalizou Chiconato.
Os Tubarões/MM foram vice-campeões com Vinicius, Igor, Herus, Rhuan, João Vitor, Antonio, Diouk, Osvaldo e Noel. O próximo compromisso da equipe será representar Ponta Grossa nos Parajap’s – Jogos Paradesportivos do Paraná, que acontece em Curitiba, a partir do próximo dia 02.
Posted in:
About the Author

Osires Nadal Júnior

Locução em autódromo, estádio, rádio, tv, palestra, cerimonial, formatura. Pauteiro, reporter, produtor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *