Ynaiã aposta em retrospecto para Cianorte ficar com a vaga

Ynaiã aposta em retrospecto para Cianorte ficar com a vaga

Cianorte e Paraná Clube se enfrentam nesta quarta-feira (10), às 18h, no Estádio Albino Turbay, em jogo único válido pela primeira fase da Copa do Brasil 2021. Conforme prevê o regulamento, quem vencer avança na competição, em caso de empate, o Tricolor fica com a vaga.

Mesmo com o cenário desfavorável, já que apenas a vitória interessa ao Leão do Vale, o lateral-direito Ynaiã confia no bom retrospecto da equipe azulina em partidas inaugurais do torneio. Em sua quarta participação, o Cianorte carrega a marca de nunca ter caído na fase inicial.

Em 2005, eliminou o CENE-MS e depois perdeu para o Corinthians. Em 2013, passou pelo Grêmio Barueri-SP e acabou eliminado pelo Atlético-GO. Em 2018, bateu o ABC-RN e o Criciúma, mas não conseguiu superar o Internacional.

“Todo retrospecto positivo é bem-vindo. Nós sabemos que essas coisas não entram em campo, mas ajudam a nos dar mais confiança e nos motivam. Nosso objetivo é manter essa marca de nunca ter caído na primeira fase e seguir na competição. Temos consciência que será difícil pela qualidade do adversário, mas vamos lutar muito por isso”, afirma o defensor.

Está será a primeira vez que os clubes irão duelar na Copa do Brasil, porém, nos confrontos oficiais contra o time da capital, o Cianorte leva a melhor como mandante. Em seis jogos, o Leão possui cinco empates e uma vitória, nunca tendo sido derrotado pelo Paraná no interior.

Jogando em casa e precisando buscar o resultado, Ynaiã acredita que a equipe cianortense deverá ter uma atuação equilibrada para conseguir a classificação. 

“Será uma partida complicada, diante de um bom time e onde nós precisaremos sair para o jogo. É ruim já começar a partida com essa pressão, então teremos que saber lidar com isso, atuar com inteligência e não dar margem para erros ou contra-ataques. Temos que atacar, mas também não poderemos nos abrir defensivamente”, analisa o lateral.

Related Posts

Facebook Comments